Ainda não há sinal de que o Wine 1.8 está chegado, mesmo após dois anos da série 1.7 ser lançada


É nesta semana que se completa dois anos em que a série 1.7.x do Wine foi lançada. Durante todo esse período, os desenvolvedores do "WINE Is Not an Emulator" (WINE Não é um Emulador, em tradução livre) ou simplesmente Wine, liberaram apenas versões de desenvolvimento a cada duas semanas. Mas, não há nem um sinal de que o Wine 1.8.0 está pronto para lançamento em um futuro próximo.

Do Wine 1.4 para o Wine 1.6 se passaram apenas um ano, enquanto a partir do Wine 1.2 para o Wine 1.4 era de dois anos. A página de critérios de lançamentos do Wine menciona que a exigência para a liberação do Wine 1.8 é o recebimento dos patches CSMT (Command Stream Multi-Threading), que promete um desempenho significativo para jogos Direct3D. No entanto, essa exigência não chegará tão cedo, já que o suporte ao Direct3D 10 deve chegar primeiro no Wine, para que finalmente o CSMT seja liberado.

O suporte do Direct3D 10 no Wine ainda está em seus estágios iniciais, embora a CodeWeavers, empresa por traz do CrossOver e principal patrocinadora do Wine, tenha como objetivo obter o suporte até o Direct3D 11 nos próximos meses. Espera-se que ainda no final deste ano o suporte ao D3D10/11 esteja pronto e o CSMT poderia estar completo para a inclusão.

Anteriormente também se falava no suporte do Wine 1.8 para o Android. Entretanto, recentemente não houve muito trabalho por parte dos desenvolvedores nessa área, permanecendo fora da lista de critérios para o Wine 1.8.

Também há relatos de que o Wine 1.6 não funciona em distribuições Linux modernas que utilizam o GCC 4.9 ou versões mais recentes por padrão. Como também não há planos para lançar mais versões para o Wine 1.6.x, que é a atual série estável. Sendo assim, a maioria dos usuários são incentivados a utilizarem a atual série de desenvolvimento Wine 1.7.x.


FONTE: Phoronix | Wikipédia

COMENTÁRIOS