Nem tudo são flores: jogos da EA Games não devem ser portados para Linux


Se você é fã de alguma franquia da Electronic ARTS, também conhecida como EA Games, e sonha em um dia jogar seus jogos do estúdio na plataforma Linux, vai com calma porque, infelizmente, isso pode não acontecer em um futuro próximo. Pelo menos é o que promete Johan Andersson, diretor técnico da engine Frostbite da desenvolvedora.

Quando questionado no Twitter se os jogos da Electronic ARTS seriam portados para a plataforma Linux, isto é, assim que a API Vulkan estivesse disponível, Andersson respondeu que isso seria "muito improvável". Além disso, quando perguntado porque teria uma resposta tão simples, Andersson, se referindo as estatísticas do Steam, disse: "menos de 1% do público em potencial, mesmo Mac (que não suportamos) ainda é 3x maior".

Não é impossível

Pode parecer estranho, mas isso é completamente compreensível. A única razão pela qual a plataforma Linux está recebendo atualmente grandes jogos é pelo fato dos estúdios Aspyr, Feral e tantos outros esperarem um bom futuro com as Steam Machines. Por isso, não é nada inesperado ver uma grande empresa como a Electronic ARTS não querer portar seus jogos para Linux, pelo menos agora.

No entanto, dependendo do sucesso das Steam Machines, o cenário pode mudar, fazendo com que grandes estúdios de jogos passem a olhar o Linux como uma boa plataforma para a jogatina. Sem falar que a API Vulkan pode acelerar ainda mais esse processo, já que é multiplataforma, open source e que, segundo a desenvolvedora Pieces Interactive, pode ser ainda melhor que o DirectX 12.

FONTE: GamingOnLinux | Twitter

COMENTÁRIOS