Governo do Reino Unido passa a adotar o LibreOffice como suite de escritório


Na tentativa de se libertar das garras da Microsoft e de seus produtos, o governo do Reino Unido passou a adotar o LibreOffice, isso graças a um acordo firmado com a Collabora Productivity, uma das maiores empresas colaboradoras da suite de escritório gratuita e que adapta o software para os ambientes corporativos.

É difícil para a Microsoft manter o ritmo com a suíte de escritório livre. A Collabora Productivity não está vendendo nada ao governo do Reino Unido, mas eles são contratados para prestar assistência técnica e suporte. Não é gratuito, mas é muito mais barato do que pagar por licenças e suporte ao mesmo tempo. Sem falar que a Collabora Productivity possui a maior equipe de engenheiros certificados do LibreOffice.

"O governo do Reino Unido assinaram um novo acordo comercial para aplicações de escritório Open Source no desktop, mobile e em cloud. O 'Cloud Transition Agreement' entre o Crown Commercial Service (CCS), um braço executivo do gabinete do governo e a empresa britânica Collabora Productivity, afirma o compromisso do governo para o Open Source e Open Document Format, e oferece grande economia de custos para os órgãos públicos", diz o anúncio da Collabora Productivity.

É bem provável que vamos ver muito mais exemplos como esse acontecendo com outros governos em 2016. Além disso, consequentemente, o LibreOffice irá se expandir ainda mais.


FONTE: Softpedia | Collabora Productivity

COMENTÁRIOS