Google decide abandonar o suporte do Chrome na plataforma Linux de 32 bits


Em um breve comunicado no Google Groups, a equipe de desenvolvimento do Chrome revelou que o navegador não terá mais suporte para a plataforma Linux de 32 bits, para o Ubuntu 12.04 LTS (Precise Pangolin) e Debian 7 (Wheezy) a partir de março de 2016.

Infelizmente, ainda não há informações para saber o porque que a empresa resolveu tomar essa decisão, apenas se sabe que a mudança vem para fornecer a melhor experiência possível para os usuários de distribuições Linux.

Ainda, de acordo com o anúncio, os desenvolvedores da Google continuaram com o suporte para configurações de 32 bits no Linux para o desenvolvimento do Chromium, a base do Chrome.

Quem estiver utilizando alguma das versões das distribuições Linux mencionadas no início deste artigo, terá mais quatro meses para migrar ao menos para o Ubuntu 14.04 LTS (Trusty Tahr) e Debian 8 (Jessie). Nesse período também haverá atualizações e patches de segurança para o Chrome. Depois disso, o navegador ainda vai funcionar, mas não será atualizado.


FONTE: Softpedia | Google Groups

COMENTÁRIOS