O Linux Kernel 4.7 já está oficialmente disponível para o Arch Linux


Depois de algumas semanas de seu lançamento oficial, em 24 de julho, o Linux Kernel 4.7 finalmente desembarcou nos repositórios de softwares oficiais e estáveis do sistema operacional popular, leve e altamente personalizável Arch Linux. Esta versão do kernel é a mais recente e avançada e apenas algumas distribuições Linux têm adotado desde a sua chegada.

Contudo, vale ressaltar que o Linux Kernel 4.7 ainda está marcado como "mainline", mas não como "stable" ou "longterm" no site kernel.org, por exemplo, porque a série do kernel ainda não recebeu uma atualização de manutenção, isso até o momento da escrita deste artigo.

Quanto ao seus novos recursos, o kernel vem com o driver de vídeo AMDGPU atualizado e com suporte para GPUs AMD Radeon RX 480, o LoadPin, um módulo novo de segurança que garante que todos os outros módulos sejam carregados com a origem do mesmo sistema de arquivos e suporte para atualização de firmware utilizando o mecanismo EFI "Capsule".

Além disso, também está presente o mecanismo sync_file usado no sistema operacional móvel Android como estável e pronto para produção, implementa o suporte para USB Device Controllers no USB/IP, suporta pesquisas de diretório paralelos, e introduz o gerenciador de frequência "schedutil", que é mais rápido e mais preciso do que os atuais.

Se você estiver usando o sistema operacional Arch Linux em suas máquina desktop ou servidor, você já pode instalar o Linux Kernel 4.7, que está disponível para ambas as arquiteturas de hardware de 32 e 64 bits. Quem é usuário avançado do sistema operacional, provavelmente, já possui sua instalação atualizada, mas se você é novo no Arch Linux, basta abrir o Terminal e executar o comando sudo pacman -Syu. Uma vez que a instalação estiver concluída, reinicie o PC.


FONTE: Softpedia

COMENTÁRIOS