Flowblade, editor de vídeo que promete oferecer uma experiência rápida, precisa e robusta


Atualmente, muito se fala do editor de vídeo Kdenlive, do OpenShot e, até mesmo, do Blender para edição de vídeos. Contudo, pouca gente conhece o Flowblade, programa que promete oferecer aos seus usuários uma experiência "rápida, precisa e robusta", e o melhor de tudo: é livre e gratuito. No entanto, é preciso ter certa afinidade com a aplicação para usá-la.

Apesar de contar com propriedades para edições básicas, a maneira como o programa lida com clipes é um tanto estranha a primeira vista, principalmente se você está vindo de editores como o Kdenlive, Adobe Premiere Pro ou Final Cut. Por exemplo, não há nenhuma 'tesoura' para cortar um vídeo na metade e você não pode arrastar e soltar um item em qualquer lugar que você quer na timeline.


Contudo, há há 9 faixas de vídeo e áudio, um detalhe que pode tornar mais fácil a criação de algumas edições bem complicadas, incluindo sobreposições, picture-in-picture e mixagem de áudio. O editor também suporta 6 compositores, incluindo mix, zoom, mover e girar. Ele suporta animação de keyframe e tem 19 "misturas", incluindo adicionar, luz hard e sobreposição, e oferece mais de 40 wipes padrões, bem como o suporte para a ferramenta de efeitos G'MIC.



Flowblade também suporta mais de 50 filtros de imagem, incluindo correção de cor, digitação alfa (ou seja, tela azul/verde), borrão e freeze-frames. Dos mais de 30 filtros de áudio, há suporte para eco, distorcer e mistura de volume. Além disso, o programa consegue lidar com os mais variados tipos de arquivos, como mp4, ogv e mov, ma isso vai depender se as bibliotecas FFMPEG ou MLT estão instaladas no sistema operacional do usuário.

Download do Flowblade para Ubuntu

Flowblade é um aplicativo de código aberto, gratuito e está disponível para instalar no Ubuntu. Se você estiver usando o Ubuntu 14.04 LTS ou Ubuntu 16.04 LTS, é possível instalar uma versão mais antiga do programa diretamente dos repositórios padrões do Ubuntu. Contudo, é sempre bom ter versões mais recentes dos softwares, por isso, para obter a versão mais recente do editor já pré-compilada, clique aqui.

Nota: Se você tem Kdenlive ou OpenShot instalado, o Flowblade não será executado devido a um conflito em bibliotecas MLT. Para contornar isso, você vai precisar desinstalar o Kdenlive e/ou OpenShot e remover seus respectivos PPA.

O programa é considerado um dos editores mais estáveis para Linux. Ele tem uma curva de aprendizado por causa da sua edição de 3 pontos, um estilo popular, mas muito mais uma preferência pessoal. Se você está interessado em experimentar o Flowblade, não deixe de compartilhar com a gente suas experiências.

Para conhecer ainda mais o programa, não deixe de visitar o site oficial, através deste link.


FONTE: OMG! Ubuntu!Flowblade

COMENTÁRIOS