Sessão opcional do Unity 8 chega ao Ubuntu 16.10 (Yakkety Yak)


Recentemente, uma atualização chegou ao Ubuntu 16.10 (Yakkety Yak) trazendo uma sessão opcional do Unity 8 para os usuários que estão se aventurando na versão de desenvolvimento do sistema operacional, que atualmente está na sua segunda build beta, também conhecida como "Final Beta". Para quem está mais que interessado na novidade, saiba que ela estará inclusa também no lançamento oficial do SO.

Como o Unity 8 ainda está muito cru para ser usado no desktop, muitas vezes fazendo com que o usuário fique preso numa tela preta, por exemplo, isso dependendo do hardware da máquina, a sessão que dá acesso ao novo ambiente gráfico é totalmente opcional. Isso basicamente significa que você terá que selecioná-la antes mesmo de fazer login na sua conta, indo no ícone do Ubuntu (o botão seletor de sessão) que fica próximo ao campo de nome de usuário e senha. Caso contrário, será iniciado o Unity 7.

A novidade parece ser uma ótima ideia, já que os usuários não vão mais ter que instalar nem um pacote adicional ou uma nova PPA para experimentar o ambiente gráfico. Como não poderia ser diferente, o servidor de exibição da Canonical, o Mir, também está presente e, para rodar tudo isso sem muitos problemas, será necessário usar os drivers open source. Contudo, a recomendação é de que você faça uso dos gráficos integrados da Intel e há relatos de que o Unity 8 não roda no VirtualBox, mas pode funcionar no VMWare Fusion.



Cadê a Dash?

Atualmente, o Unity 8 ainda não traz a Dash, ou algum outro menu de aplicativos, mas apenas a tela flutuante "Unity Scopes", que é normalmente encontrada em dispositivos móveis com Ubuntu Touch. Apesar de parecer um pouco confuso quando você tem várias outras janelas abertas, será possível acessar rapidamente aplicações por meio dela.


Como já tínhamos falado anteriormente, o Unity 8 estará presente como uma segunda opção na versão final do Ubuntu 16.10, mas, como o ambiente gráfico ainda necessita de mais atenção por parte dos desenvolvedores da Canonical, principalmente quando o assunto é o PC, algo que o torna instável e sem muitos recursos importantes para o desktop, provavelmente, a característica mais impressionante desta nova versão do sistema operacional é o Linux Kernel 4.8.


FONTE: OMG! Ubuntu![1]  [2]
IMAGEM: OMG! Ubuntu!

COMENTÁRIOS