The Khronos Group anuncia iniciativa para cria novo padrão aberto para o VR


O consórcio responsável pela Vulkan e OpenGL, The Khronos Group, anunciou na última terça-feira (06) uma nova iniciativa que promete reunir diversas empresas para criar um padrão aberto para a comunidade de desenvolvimento de realidade virtual, o que deve impedir a fragmentação da tecnologia VR, já que as várias opções para desenvolver VR podem exigir diferentes requisitos de hardwares e ferramentas, dificultando a homogeneidade dos conteúdos.

Ou seja, com a novidade, será possível criar aplicações e mecanismos VR que sejam suportadas por todos os principais fornecedores de dispositivos VR como, por exemplo, Steam VR, Oculus, Gear VR, OSVR, Daydream e etc. Entre os principais contribuintes para a iniciativa, está a Valve com o seu OpenVR, porém, outras empresas devem contribuir também, como a Razer que entrou recentemente no The Khronos Group.


"O mercado VR de hoje está fragmentado com vários runtimes e interfaces de driver proprietários - dificultando a criação de experiências VR difundidas que podem ser executadas facilmente em várias plataformas", afirma o The Khronos Group.

"Isso torna tudo mais difícil para os desenvolvedores que desejam oferecer suporte a vários dispositivos VR, levando puco conteúdo para os consumidores, gerando crescimento mais lento do mercado de VR. O padrão VR da Khronos incluirá APIs de plataforma cruzada para rastreamento de headsets, controladores e outros objetos e renderização para um conjunto diverso de hardware de exibição", concluiu.

Além da Valve e Razer, entre outras empresas que estão ajudando a dar início ao padrão aberto para a indústria VR, estão: AMD, Oculus, Google, Intel, LunarG, NVIDIA, Epic Games e ARM. Como tudo ainda está em seus estágios iniciais, o consórcio Khronos deve revelar mais detalhes muito em breve.


FONTE: Phoronix | Khronos

COMENTÁRIOS