AMDGPU-PRO 16.60 chega com suporte para as placas das séries Radeon HD 7xxx/8xxx


Já está disponível para download o AMDGPU-PRO 16.60 trazendo mais algumas melhorias, porém, sem grandes destaques. De acordo com as notas de lançamento, agora há suporte para o CentOS 7.3, algumas correções para um bug de de renderização no glxgears e agora os usuários do cliente Steam não sofrerão mais com travamentos do sistema quando a aplicação da Valve for iniciada, entre outras correções menores.

Além disso, a nova versão do driver proprietário da AMD para Linux traz suporte para mais modelos de placas da família Southern Islands (GNC 1.0), incluindo a Radeon R7 M260, M265, M340, M350, M365, M370, M380, M465 e M465X, Radeon R7 240, 250, 250X, 260, 260X e 350, Radeon HD 7700, 7800, 8500 e 8600, bem como as Radeon HD7700M, 7800M, 8500M, 8530M, 8600M, 8700M, 8790M e 8800M.

De acordo com a própria AMD, entre os problemas conhecidos ainda presentes no driver, está o travamento do sistema operacional quando o OpenCL tenta alocar mais do que a quantidade de memória RAM disponível na máquina, uma falha de inicialização no Red Hat Enterprise Linux 7.3 com DP1.2 habilitado e um bug envolvendo a tela no reinício do sistema após a mudança manual para o modo de desempenho AMD, porém, depois tupo parece funcionar corretamente.

Ao que tudo indica, o AMDGPU-PRO ainda não possui suporte para as versões mais recentes do Kernel Linux, já que no site oficial da AMD não é mencionado o Ubuntu 16.10 como oficialmente suportado, mas apenas o Ubuntu 16.04, bem como o Hat Enterprise Linux 6.8 e 7.3, CentOS 6.8 e 7.3, SUSE Linux Enterprise Desktop 12 Service Pack 2 e  SUSE Linux Enterprise Server 12 Service Pack 2 (todos de 64-bits).

Para mais detalhes sobre todos os modelos suportados de placas de vídeo, bem como o link para download e instruções de instalação, recomentamos que você acesse o site oficial do desenvolvedor, clicando aqui.


FONTE: AMD | Phoronix

COMENTÁRIOS