'Jogos no Linux' é algo mais influente para a Microsoft do que você imagina


Poucos dias após publicar um pequeno post em seu blog oficial, onde afirma que o projeto Steam para Linux foi o mais difícil que já participou em sua carreira, o ex-desenvolvedor da Valve Rich Geldreich revela em uma nova postagem alguns detalhes dos bastidores da iniciativa da empresa de Gabe Newell para trazer os jogos para o sistema do pinguim, bem como o fado da Microsoft estar de "orelha em pé" com os games no Linux.

Logo no início da sua postagem, intitulada 'The "Faster Zombies!" blog post', Rich Geldreich destaca que a equipe de desenvolvedores conseguiu fazer com que o jogo Left 4 Dead 2 tivesse um melhor desempenho com o OpenGL no Linux do que com o Direct3D no Windows, além de revelar que chegou a compartilhar detalhes da empreitada com Gabe Newell, que planejava criar uma comunidade de suporte, o que garantiria que mais jogos fossem portados para Linux.

Ainda, segundo Rich Geldreich, a pessoa por traz do post Faster Zombies!, publicado no blog oficial da Valve em meados de 2012, que revelou ao mundo que é possível executar jogos mais rápido no Linux do que no Windows, foi ninguém menos que Gabe Newell.

"Eu estava (e ainda permaneço) extremamente confiante de que nossos resultados eram reais. Realizamos esses testes de forma tão científica quanto possível, usando duas máquinas com o mesmo hardware, configuradas exatamente da mesma forma na BIOS, etc. NVidia e AMD conseguiram reproduzir nossos resultados independentemente. Além disso, eu poderia facilmente ter feito o L4D2 no Linux GL [OpenGL no Linux] rodar ainda mais rápido em relação ao Windows, mas tínhamos outras prioridades, como conseguir com que mais jogos que utilizam a Source1 [engine de jogos da Valve] funcionassem [no Linux] e ajudar a Intel com seu driver GL de código aberto. Pelo que eu entendo, o Linux tem algumas vantagens inerentes no nível do kernel quando comparado com o Windows que afetam o desempenho do driver", explica Rich Geldreich.

O ex-desenvolvedor também revela que, após se passarem algumas semanas da publicação do post Faster Zombies!, alguns desenvolvedores antigos da Microsoft foram dar uma olhada no que a Valve estava aprontando com o Linux. Segundo Rich, a iniciativa da Valve com os jogos no sistema do pinguim, bem como o post revelador de Gabe Newell, fez com que alguns executivos da Microsoft mexessem os pauzinhos para que fosse apoiado ainda mais o desenvolvimento do Direct3D.

"Lembre-se, neste momento, era anos desde a última versão do SDK do DirectX. [...] Linux é obviamente extremamente influente", diz Rich Geldreich. Talvez seja difícil de acreditar, mas a iniciativa de obter o Steam no Linux causou um impacto significativo dentro de várias corporações. Foi um projeto surpreendentemente influente".

Rich Geldreich conclui seu post falando o quanto foi difícil para a iniciativa da Valve com o Linux sobreviver com as demissões em massa que a empresa sofreu em 2013, bem como o quanto foi desafiador trabalhar com a plataforma Linux na Valve.

A postagem original de Rich Geldreich pode ser encontrada clicando aqui.


FONTE: PhoronixRich Geldreich Blog

Comentários