Port de Ashes of Singularity para a Vulkan deve chegar na metade deste ano


Famoso por ser o primeiro jogo lançado com suporte ao DirectX 12, Ashes of the Singularity foi anunciado em novembro do ano passado pelas desenvolvedoras Oxide Games e Stardock para Windows como um jogo de estratégia em tempo real. Agora, os desenvolvedores revelaram que o título está ganhando um port para a aclamada API gráfica Vulkan, o que deve torná-lo multiplataforma.

"O trabalho [de port para a API] Vulkan está em grande parte concluído. No entanto, ele não será lançado antes de junho, pois ainda há muito trabalho à ser feito no que se refere a compatibilidade e otimização, dada a popularidade do jogo como uma ferramenta de testes de benchmark para gráficos de ponta", explicam os desenvolvedores.

Embora a novidade seja um bom sinal de que o jogo possa ganhar suporte para a plataforma Linux, logo agora que a Vulkan chega como uma alternativa ao DirectX 12, infelizmente, ainda não está claro se o game dará as caras no sistema do pinguim. Bom, pelo menos não no dia do lançamento do port para a Vulkan.

"Agora, Vulkan não significa Linux. Significa apenas que a casa está aberta para o Linux. O desafio com o Linux é que a base de usuários tem que ser suficiente para justificá-lo. Agora, o maior desafio para Ashes of Singularity continua sendo os requisitos de hardware. A maioria dos jogadores de PC não podem executar o jogo. Sempre houve conhecimento disso e é por isso que sempre vimos o jogo como um empreendimento de longo prazo (daí o roadmap que postamos)", diz os desenvolvedores.

Ainda, segundo os desenvolvedores, antes que uma versão para Linux do jogo possa surgir, será necessário primeiro concluir algumas prioridades, como melhorar a compatibilidade, estabilidade e o desempenho do jogo com hardwares não tão exigentes.

Mais detalhes sobre algumas das novidades que devem chegar em Ashes of Singularity nos próximos meses, você pode conferir clicando aqui.


FONTE: PhoronixAshes of Singularity Forum

COMENTÁRIOS