Confira algumas das principais novidades do Linux Kernel 4.12


Agora que a primeira versão RC (Release Candidate) do Linux Kernel 4.12 já está oficialmente disponível, chegou a hora de conferirmos seus principais destaques. De acordo com Linus Torvalds, este lançamento é bastante grande e contém várias implementações, o que inclui o suporte para a próxima geração de GPUs da AMD, as Radeon RX Vega, juntamente com um novo driver para o Intel Atom IPUs (Image Processing Units) e muito mais.

A maior alteração do Linux Kernel 4.12, provavelmente, são as mudanças para o Direct Rendering Manager (DRM) devido às implementações para o suporte inicial para as futuras Radeon RX Vega, entre outras adições para suportar a arquitetura Vega 10.

Contudo, embora o suporte inicial esteja presente, muitos dos recursos oferecidos pelas Radeon RX Vega não estarão disponíveis, já que o código AMD DC ainda não foi implementado nesta nova versão do kernel. Sendo assim, ainda será necessário instalar o AMDGPU-PRO para ter acesso há muitas das funcionalidades das futuras placas de vídeo. Mais detalhes serão revelados com o lançamento oficial das futuras GPUs da AMD.

Além disso, outra novidade que merece destaque é o suporte inicial à aceleração via hardware para as placas de vídeo GTX 1000 "Pascal". Contudo, como também acontece com GPUs Maxwell, ainda não há qualquer suporte para re-clocking, por isso, o desempenho ainda continua sendo muito lento.

No lado da Intel, agora a configuração "atomic mode" é ativada por padrão para hardware Intel Ironlake e mais recente. Além disso, há também melhorias para processadores Geminilake, GPU reset, suporte ao GVT Kabylake para virtualização de gráficos e muito mais.

Para os próximos SoCs Geminilake, da Intel, há algumas melhorias no gerenciamento de energia, bem como atualizações para P-State e Schedutil. O driver Intel P-State está finalmente em boa forma nas versões recentes do kernel. Além disso, foi adicionado o novo um driver front-end 9pfs para Xen e há várias melhorias para a arquitetura ARM64, entre outras novidades envolvendo KVM.

Para os fãs do Raspberry Pi, existe agora um driver térmico chamado Broadcom BCM2835 para monitorar a temperatura do hardware, há um gerenciador de portas USB Type-C, correções para drivers de som, suporte à Bluetooth para o módulo Intel Edison, suporte para os novos dispositivos Razer Sabertooth e Mad Catz Brawlstick e, no quesito segurança e o KASLR (Kernel Address Space Layout Randomization) agora é ativado por padrão para sistemas x86/x86_64.

No geral, o Linux Kernel 4.12 é uma atualização de kernel muito grande e adiciona mais de um milhão de novas linhas de código. A versão final deve chegar em meados de julho.


FONTE: Phoronix | LKML

COMENTÁRIOS