Valve quer um ''acesso exclusivo'' na sua GPU para aumentar o desempenho do SteamVR


Já não é mais segredo para ninguém que a Valve é uma das mais importantes empresas de jogos que atualmente investem pesado na plataforma Linux em busca de um sucesso a longo prazo da sua iniciativa. E um dos passos mais significativos da empresa nesse sentido foi a implementação do suporte para o SteamVR no Linux, o que levou a companhia a busca um melhor desempenho principalmente em placas de vídeo da AMD.

Um bom exemplo disso é a recente decisão da empresa de Gabe Newell de querer buscar uma maneira de ter um "acesso exclusivo" na sua GPU AMD com os drivers de vídeo open source AMDGPU e RADV, resultando em um melhor desempenho do SteamVR.

Tudo começou quando Andres Rodriguez, ex-engenheiro da AMD e agora membro da equipe de drivers open source para Linux da Valve, apresentou seu mais recente trabalho que promete a possibilidade de oferecer acesso exclusivo na GPU por processos selecionados, como o SteamVR, para garantir um desempenho mais rápido e previsível.

Segundo Andres Rodriguez, "quando múltiplos ambientes são executados simultaneamente em um sistema, como um desktop com o X, juntamente com uma sessão de jogos SteamVR, por exemplo, pode ser útil sacrificar o desempenho em um ambiente para favorecer a performance do outro".


"Esta série fornece um mecanismo para um DRM_MASTER para fornecer acesso exclusivo na GPU a um grupo de processos", explica Andres Rodriguez em seu mais recente Request for Comments (RFC). "Usando este aplicativo, o VRComposer pode aumentar a prioridade do VRapp e de si mesmo. Em seguida, ele pode restringir a prioridade mínima do agendador para se tornar clientes exclusivos da GPU.

Contudo, antes que você fique muito animado, o trabalho ainda está sendo revisado e algumas sugestões feitas por outros desenvolvedores do driver AMDGPU estão sendo aguardadas. Espera-se que mais novidades possam surgir nas próximas semanas.

Até que a novidade esteja disponível, a melhor maneira de se obter uma boa experiência com o SteamVR no Linux, provavelmente, é utilizando o driver proprietário da NVIDIA com GPUs Pascal.


FONTE: Phoronix | Freedesktop.org

Comentários