Linux Mint 18.3 terá grandes melhorias na sua ferramenta de backup


Com a chegada do Linux Mint 18.3 no final do ano, quem também fará sua estréia é a mais nova e melhorada ferramenta de backup do sistema operacional. A boa notícia foi dada por Clement Lefebvre, criador do projeto Linux Mint, em seu último relatório semanal, onde ele destaca que a nova aplicação aprimorada reduzirá o número de opções e complexidade, facilitando a vida do usuário na hora de fazer backup de arquivos importantes.

Contudo, para que isso seja possível, como parte das mudanças, o aplicativo deixará de pedir aos usuários que selecionem uma fonte ou o tipo de backup a ser executado. A nova ferramenta será "dedicada a fazer um backup do seu diretório home". Ainda, segundo Clement Lefebvre, a aplicação "salva todos os seus arquivos em um arquivo tar. Ao restaurar um backup, os arquivos são restaurados no mesmo lugar que antes, com suas permissões originais e marca temporal".



Naturalmente, pode haver alguns arquivos em sua pasta Home que você não quer incluir no backup, então o aplicativo continuará a deixar você excluir arquivos ou diretórios da operação. A ferramenta exclui arquivos e diretórios ocultos por padrão, mas você pode optar por incluir estes se desejar.

Clement Lefebvre acredita que a ferramenta melhorada lembrará as escolhas feitas para tornar mais fácil a realização de backups similares no futuro. Além disso, a aplicação não será executada com privilégios de root no Linux Mint 18.3, poupando você de digitar sua senha para realizar determinadas funções. Outras melhorias incluem uma base de código "menor" e "mais moderna", ajustes na estabilidade e desempenho, bem como ganhos na compressão de dados e multithreading.

Você usa a ferramenta de backup do Linux Mint? Essas futuras melhorias foram aprovadas por você? Deixe-nos saber nos comentários.


FONTE: OMG! Ubuntu! | Linux Mint Blog

COMENTÁRIOS