Bug na Unreal Engine 4 está impedindo a chegada de Beyond Enemy Lines no Linux


Embora Beyond Enemy Lines tenha uma versão beta para Linux "escondida" disponível no Steam para aqueles que adquiriram a versão do jogo para Windows, o game ainda não pode ser lançado oficialmente para a plataforma porque, de acordo com a Polygon Art, desenvolvedora do título, ainda existe um bug crítico na Unreal Engine 4, motor gráfico onde o game foi criado, envolvendo o sistema do pinguim, o que impede que o lançamento oficial aconteça.

"Atualmente, estou trabalhando em um novo Patch para a versão do Windows e estava preparando também uma nova build para [a plataforma] Linux ainda na semana passada, quando descobri um bug na Unreal Engine 4 que quebra o jogo", explica um desenvolvedor da Polygon Art na página de discussões do game no Steam.

"Esse erro realmente impede que certas key inputs sejam reconhecidas com a configuração de controle usada em Beyond Enemy Lines. Então você não pode jogar Beyond Enemy Lines com está build para Linux. A versão do Windows funciona bem. Agora preciso aguardar uma atualização lançada pela Epic para a engine. Uma vez confirmado que uma nova build [do jogo] está funcionando - você deve obter uma build para Linux completa (com DLC e Editor Support) o mais rápido possível", concluiu.

Esta não é a primeira ver que um jogo deixa de ser lançado no Linux por conta de algum bug na Unreal Engine 4 envolvendo o sistema do pinguim. Ao que parece, embora desenvolvedores de jogos que fazem uso do motor gráfico tenham mostrado interesse no Linux ou que realmente estejam trabalhando na versão de seus títulos para Linux, a Epic Games não tem dado a devida atenção nos últimos tempos para o suporte da sua engine com a plataforma Linux.

Contudo, esperamos que este e outros bugs com a engine sejam corrigidos em breve e que Beyond Enemy Lines, e tantos outros que possivelmente estão na mesma situação, possam fazer a sua tão aguardada estreia no Linux.


FONTE: GamingOnLinux | Steam

Comentários