Wine 3.0 deve ser lançado até o final do ano com suporte ao Direct3D 11


A galera por traz do Wine se reuniu no último final de semana na Polônia para a conferência anual WineConf2017 para falar sobre o próximo lançamento principal do software, que é muitas vezes descrito como uma camada de compatibilidade de código aberto para executar aplicativos e jogos do Windows no Linux. Trata-se do Wine 3.0, que promete chegar com recursos, no mínimo, interessantes.

De acordo com Alexandre Julliard, líder do projeto, entre as novidades programadas para chegar com o Wine 3.0, está o suporte para o Direct3D 11 e para dispositivos com o sistema operacional móvel Android. Além disso, a nova versão do software também está mudando para o Windows 7 como versão padrão do Windows para novas instalações do Wine após mais de oito anos e implementará command stream do Direct3D. No entanto, parece que cerca de 160 regressões relatadas precisam ser corrigidas antes do lançamento final.

Suporte para Direct3D 12, Vulkan e Wayland

O Wine 3.0 deve chegar até o final do ano com todas novidades mencionadas anteriormente, entre outros recursos, mas não suportará a API Vulkan, nem o servidor de exibição de próxima geração Wayland. No entanto, esses recursos serão implementados em novos lanamentos do software no decorrer do próximo ano, juntamente com suporte ao Direct3D 12 e muito mais.

"CodeWeavers tem trabalhado em uma implementação (autônoma) do Direct3D 12 com base em Vulkan chamada "vkd3d". O vkd3d está licenciado sob a LGPL e a intenção é que, eventualmente, a implementação do Direct3D 12 do Wine seja baseada nesta biblioteca. Ao mesmo tempo, vkd3d destina-se a ser útil para ports que não usam o Wine ('nativos')", explicam os desenvolvedores.

Para mais detalhes sobre o que aconteceu na conferência WineConf2017, você pode assistir o vídeo abaixo ou visitar o site oficial do Wine.




FONTE: WineHQ

Comentários