Hackers transformam o Nintendo Switch em um tablet Linux com KDE Plasma 5


Na semana passada, o famoso grupo hacker fail0verflow tornou possível executar o sistema operacional Debian no console de jogos Nintendo Switch através de uma vulnerabilidade que eles mesmo descobriram durante intensas sessões de pesquisa para encontrar falhas de hardware no dispositivo. Agora, o grupo conseguiu instalar o ambiente gráfico KDE Plasma 5 no videogame, transformando o aparelho em um completo tablet Linux.

De acordo com suas descobertas, o grupo hacker afirmou que a vulnerabilidade encontrada que permite, por exemplo, a instalação de uma distribuição Linux no console, não poderia ser corrigida pela Nintendo apenas por meio de uma atualização de firmware, pois estava voltada para uma falha na ROM de inicialização.

No vídeo publicado pelo grupo fail0verflow no Twitter, que você confere logo abaixo, podemos ver o ambiente gráfico KDE Plasma 5 rodando no Nintendo Switch, permitindo aos usuários ajustar o brilho da tela, facilmente aumentar ou diminuir o zoom nas páginas da web usando seus dedos, bem como para rolar as páginas e escrever texto com o teclado na tela.


Curiosamente, o grupo hacker ainda não revelou detalhes sobre como instalar uma distribuição Linux no console da Nintendo e, ao que parece, nada deve mudar nos próximos dias.


FONTE: Softpediafail0verflow/Twitter

Comentários