Linux Mint 19 com Cinnamon terá inicialização mais rápida de aplicativos


Como você deve saber, o Cinnamon é um dos ambiente gráficos padrões do sistema operacional Linux Mint, baseado no Ubuntu. Ele usa partes do GNOME Stack no seu núcleo, o que significa que não é tão leve quanto as suas alternativas MATE e Xfce, então a inicialização de alguns aplicativos pode não ser tão rápida como alguns usuários gostaria que fosse ultimamente.

É por isso que o time de desenvolvimento do Linux Mint gastou algum tempo no início deste ano para investigar a fundo e depurar tudo o que reduzia a performance no Cinnamon, especialmente ao iniciar os aplicativos pré-instalados. A esquipe por traz do sistema operacional compararou o Cinnamon com o gerenciador de janela Metacity e descobriu que o Cinnamon era seis vezes mais lento.

Os desenvolvedores também compararam a biblioteca de gerenciamento de janelas Muffin, do Cinnamon, com o Metacity usando um script construído internamente e descobriram que também que o Muffin sofre problemas de desempenho, então era necessário encontrar a verdadeira razão por trás da lentidão e resolvê-la de uma vez por todas para o próximo lançamento do Cinnamon.

"Nós estão avaliamos o Muffin por conta própria (Muffin é a biblioteca utilizada pelo Cinnamon para implementar o gerenciador de janelas, mas também pode ser executada por conta própria, sem o resto do Cinnamon) e descobrimos que, embora o desempenho tenha sido melhor do que com o Cinnamon, os números eram mais altos do que com Metacity. Nós, portanto, tivemos problemas de desempenho no Muffin e no Cinnamon", afirma Clement Lefebvre, líder e fundador do projeto Linux Mint.

Inicialização mais rápida de aplicativos para o Cinnamon e Linux Mint

Para corrigir os problemas de desempenho e fazer com que a inicialização de aplicativos seja mais rápida, ou pelo menos tão rápida quanto no Metacity, do GNOME, o time de desenvolvimento do Linux Mint teve que implementar duas modificações upstream no Muffin e outras quatro alterações no própria Cinnamon, o que, aparentemente, corrigiu o gargalo descoberto nos lançadores do painel e lista de janelas.

Todos os detalhes técnicos estão disponíveis através deste link. O lançamento do Linux Mint 19 "Tara" deve acontecer após a chegada do Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver) no final de abril, sistema operacional no qual o Linux Mint 19 será baseado.


FONTE: Softpedia | Linux Mint Blog

Comentários