Emulador RPCS3 ganha melhor desempenho graças ao suporte para Intel TSX


No ano passado, o emulador de PlayStation 3 RPCS3 obteve melhorias significativas no desempenho graças a implementação do suporte para a API gráfica Vulkan. Agora, o software ganhou mais melhorias que devem impulsionar ainda mais a performance com modelos de processadores mais novos da Intel, começando com as CPUs com microarquitetura Skylake.

Isso é possível graças ao suporte aprimorado do RPCS3 para a Transactional Synchronization Extensions (TSX), tecnologia presente nos modelos de processadores mais modernos da Intel. De acordo com os desenvolvedores, este suporte de memória transacional é capaz de acelerar significativamente o emulador, acima de 40% em alguns casos.

Além disso, os donos de processadores que não conta com a tecnologia TSX também podem comemorar com a nova versão do emulador, pois testes recentes feitos com CPUs AMD Ryzen também revelaram um aumento significativo no desempenho da emulação de jogos do PlayStation 3.

"Também houve testes em CPUs que não possuem o TSX, como o Ryzen e, da mesma forma, houve uma melhora notável no desempenho, embora não na mesma medida. Subjetivamente, um dos nossos testadores usando uma CPU Ryzen relatou que a taxa de quadros não foi necessariamente aumentada, mas permaneceu em um nível mais constante", diz os desenvolvedores.

Claro, existem muitas outras melhorias e correções para diversos jogos do PS3, como é o caso de Drakengard 3, que agora pode ser jogado do começo ao fim. Você pode ver como ele se comporta no vídeo abaixo:



Para mais detalhes técnicos sobre as principais alterações recentemente implementadas no RPCS3, não deixe de conferir o mais recente relatório dos desenvolvedores, que pode ser conferido clicando aqui. O download do emulador pode ser feito diretamente do site oficial.


FONTE: PhoronixRPCS3

Comentários