X.Org Server 1.20 será lançado nos próximos dias, confira os destaques


O X.Org Server 1.19 foi lançado há 18 meses, o que torna esta a maior duração sem uma grande versão do servidor em mais de uma década. Mas, felizmente, será sucedido pelo X.Org Server 1.20, que já está em desenvolvimento por um bom tempo. O gerente de lançamento Adam Jackson, da Red Hat, está dando os últimos retoques, emitindo uma última chamada para quaisquer patches de última hora ou correções de bugs para esta próxima edição, que contará com grandes novidades.

Entre os principais destaques do X.Org Server 1.20, está o suporte para a biblioteca GLVND/GLXVND do lado do servidor, permitindo que diferentes drivers OpenGL retornem diferentes telas X. Isso deve ajudar em configurações multi-GPU em que diferentes drivers OpenGL estão em execução para um melhor suporte ao hardware.

Além disso, há melhorias também no suporte para o Steam VR, bem como para headsets VR. O compositor do Steam VR também passará a ter acesso direto ao hardware sem que o servidor Xorg fique no caminho. Há também suporte para o EGLStreams, permitindo que o driver proprietário da NVIDIA trabalhe com o XWayland. Em outras palavras, será possível rodar plicativos X11 em uma sessão Wayland com o driver da NVIDIA.

Por último, mas não menos importante, o suporte para telas 16:9 e 16:10 também foi melhorado. Claro, há muitos outros novos recursos e correções e, embora o X.Org Server 1.20 não tenha chegado a tempo para o Ubuntu 18.04 LTS, Fedora 28 e o OpenSUSE Leap 15, por exemplo, estará disponível no próximo Regata OS 19 (atualmente disponível em versão Technical Preview) e, claro, nas distribuições Linux rolling release.


FONTE: Phoronix

Comentários