Red Hat anuncia o Fedora CoreOS, substituto do Fedora Atomic Host


No início do ano, a Red Hat, que atualmente é fornecedora líder mundial de soluções open source, anunciou que adquiriu a empresa CoreOS Inc. por US$ 250 milhões, o que inclui também o sistema operacional CoreOS. Agora, o líder do projeto Fedora, Matthew Miller e o engenheiro Atomic OpenShift da Red Hat, Dusty Mabe, anunciaram o Fedora CoreOS, projetado para substituir o atual Fedora Atomic Host.

Se você não está muito ligado no CoreOS, saiba que o sistema operacional também era conhecido pelo registro de containers Quay Enterprise e pelo uso do Tectonic for Kubernetes, duas tecnologias usadas em infraestruturas de containers. Depois de ter prometido que não descontinuaria o CoreOS como o conhecemos, a Red Hat agora anuncia que planeja mover a manutenção para o projeto Fedora.

O Fedora Atomic Host se torna o Fedora CoreOS

Em sua tentativa de acelerar a adoção de tecnologias de containers baseadas em Linux e open source no mundo corporativo, a Red Hat está introduzindo o Fedora CoreOS. Com a decisão da empresa, a última versão do Fedora Atomic Host será como parte do Fedora 29. Depois, todos os usuários serão aconselhados a atualizar para o Fedora CoreOS para futuras implementações de containers.

A Red Hat e o projeto Fedora esperam que este movimento não tenha um grande impacto entre os atuais usuários do CoreOS porque o Fedora CoreOS será construído usando a base de pacotes do próprio Fedora.

"Não será necessariamente feito da mesma forma que fazemos as entregas do Fedora OS hoje. Não importa o quê, nós absolutamente queremos a experiência do usuário CoreOS do sistema operacional host do cluster de containers que se mantém atualizado e você simplesmente não se preocupe com isso", diz Matthew Miller, líder do projeto Fedora.

Por outro lado, parece que a comunidade Project Atomic está indo embora também, incluindo listas de discussão, canais de IRC e páginas do GitHub assim que o Fedora Atomic Host chegar ao fim da vida. Estamos ansiosos pelo lançamento inicial do Fedora CoreOS, que poderá sair no próximo ano como parte do Fedora 30, mas, até lá, você pode visitar o site oficial para mais detalhes.


FONTE: Softpedia | Fedora Magazine

Comentários