Confira algumas screenshots do próximo Ubuntu 18.10 com o tema Yaru


O Ubuntu 18.10 (Cosmic Cuttlefish), a próxima grande versão da popular distribuição Linux, está atualmente em desenvolvimento, prometendo novos recursos e aprimoramentos. Uma das coisas mais esperadas sobre o futuro do sistema operacional, com lançamento previsto para o final do ano, em 18 de outubro, é a sua nova aparência, que é proporcionada pelo chamado Communitheme, que recentemente foi renomeado para Yaru, um tema para toda a interface do Ubuntu.

Como parte dessa iniciativa impulsionada pela comunidade, o Ubuntu 18.10 terá um novo visual que promete tornar o popular sistema operacional mais atraente e moderno. E agora, finalmente, podemos conferir de perto todas as modificações no visual proporcionadas pelo tema Yaru, presente na atual build de desenvolvimento do Ubuntu 18.10 (Cosmic Cuttlefish).

A nova aparência do Ubuntu 18.10 com o novo tema Yaru

Um membro da comunidade Ubuntu conhecido como frederik-f postou uma série de screenshots do novo tema Yaru no Ubuntu Community Hub. Nas imagens, que você confere logo abaixo, é possível ver o novo visual da tela de login, uma nova notificação sendo exibida na tela para as mudanças de volume, a caixa de diálogo de desligamento e reinicialização renovada, bem como capturas de outros menus e widgets.






Se você estiver executando a build de desenvolvimento do Ubuntu 18.10 ou o atual Ubuntu 18.04 LTS em seu computador pessoal, você pode experimentar o novo Yaru agora mesmo instalando o pacote Snap do tema. Tudo o que você precisa fazer é clicar aqui, para instalar através do Ubuntu Software, ou executar no terminal:  sudo snap install communitheme .

Para usar o tema no Ubuntu 18.04 LTS, você terá que reiniciar o computador e selecionar a sessão "Ubuntu with communitheme snap" na tela de login. É isso aí, você pode desfrutar de uma nova instalação do Ubuntu 18.04 LTS com o novo tema Yaru, que será ativado por padrão para todas as novas instalações do próximo Ubuntu 18.10 a partir do final do ano.


FONTE: SoftpediaUbuntu Community Hub
IMAGENS: Ubuntu Community Hub

Comentários