Suporte para o Ubuntu 17.10 chegará ao fim em 19 de julho


Lançado em 19 de outubro de 2017, o Ubuntu 17.10 foi apelidado de "Artful Aardvark" por Mark Shuttleworth, fundador da Canonical, e foi a primeira versão do sistema operacional que oferecia o ambiente gráfico GNOME como o padrão depois de usar a interface Unity por mais de seis anos, desde o lançamento do Ubuntu 11.04 (Natty Narwhal).

O Ubuntu 17.10 também marcou a descontinuidade do sabor Ubuntu GNOME agora que a edição principal foi fornecida com o GNOME por padrão, e também foi o primeiro a mudar para o servidor de exibição de próxima geração Wayland em vez do X.Org Server, uma decisão que foi mudada com a chegada do Ubuntu 18.04 LTS.


No entanto, por não se tratar de um lançamento LTS, ou seja, com suporte de longo prazo, o Ubuntu 17.10 recebeu apenas nove meses de suporte que terminará em 19 de julho. Após essa data, a Canonical não lançará mais atualizações de segurança e de software para usuários do Ubuntu 17.10, o que pode deixar o sistema vulnerável para uma ampla gama de ataques.

Os usuários do Ubuntu 17.10 devem atualizar para o Ubuntu 18.04 LTS

Se você ainda estiver usando o Ubuntu 17.10 (Artful Aardvark) em seu computador pessoal ou servidor, você deve se preparar para atualizar para o Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver) o mais rápido possível. Para isso, a Canonical fornece instruções de atualização e ressalvas que podem ser encontradas clicando aqui.

Antes de tentar atualizar suas instalações do Ubuntu 17.10 para o Ubuntu 18.04 LTS, que é uma versão de suporte de longo prazo com atualizações de segurança e de software por cinco anos, ou seja, até abril de 2023, certifique-se de ter um backup recente de seus arquivos. A recomendação é de que você faça uma nova instalação do Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver).


FONTE: Softpedia

Comentários