Lubuntu 18.10 chega trazendo o LXQt como o ambiente gráfico padrão


Depois de vários testes e muito trabalho duro, a equipe do Lubuntu, liderada pelo desenvolvedor Simon Quigley, finalmente conseguiu lançar uma versão que traz o LXQt como o ambiente gráfico padrão da distribuição Linux, deixando de lado o LXDE (Lightweight X11 Desktop Environment), que era usado por padrão em todos os lançamentos desde o início do projeto.

Muitos consideram que o LXQt é o futuro do ambiente gráfico LXDE, que usa tecnologias antigas e obsoletas, então, ter o LXQt 0.13.0, que possui várias melhorias e correções, além de faz uso das mais recentes bibliotecas do Qt 5.11.1, como o padrão no Lubuntu 18.10 não deixa de ser uma boa notícia para quem é fã do sabor oficial do Ubuntu.

"Esta é a primeira versão do Lubuntu com o LXQt como o principal ambiente gráfico. O projeto Lubuntu, em 18.10 e lançamentos sucessivos, não suportará mais o ambiente gráfico LXDE ou as usas ferramentas nos repositórios do Ubuntu e, ao invés disso, vamos focar no LXQt", diz Simon Quigley, no anúncio oficial.



Além de substituir o LXDE pelo LXQt, a nova versão do sistema operacional traz o Calamares como o instalador gráfico padrão para novas instalações. O Lubuntu não é o primeiro sabor oficial do Ubuntu que deixa de lado o instalador Ubiquity, especialmente quando o Kubuntu já usa o Calamares há algum tempo.

O Lubuntu 18.10 vem com o Mozilla Firefox 62 "Quantum" como navegador padrão, o LibreOffice 6.1.2 como a suíte de escritório com o frontend Qt 5 (para melhor integração com o LXQt), o VLC 3.0.4 como media player, o Trojitá 0.7 como cliente de email e o Plasma Discover, do KDE, como gerenciador de pacotes gráfico padrão para instalar e atualizar aplicativos.

Também está incluído o Featherpad 0.9.0, um editor de texto avançado para anotações e edição de código. O manual do Lubuntu também recebeu aprimoramento e pode ser acessado a partir do site manual.lubuntu.me. Faça o download do Lubuntu 18.10 agora mesmo, através deste link.


FONTE: Softpedia | Lubuntu Blog

Comentários