Beta do Linux on DeX, da Samsung, já está disponível para testes


A Samsung anunciou nesta quinta-feira (8) o beta fechado do seu aplicativo “Linux on DeX” (anteriormente conhecido como Linux on Galaxy) para todos os desenvolvedores interessados em testar a novidade, que permite que os donos de dispositivos específicos da empresa possam "executar" a área de trabalho do Ubuntu juntamente com o Android.

O recurso, apresentado durante a Samsung Developer Conference 2018 (SDC18), realizada esta semana em São Francisco, é compatível com dois dispositivos: o Samsung Note 9 e o Samsung Tab S4. Mais dispositivos poderiam ser adicionados se o teste for bem? É possível, embora a empresa não tenha dito isso. É improvável que qualquer aparelho de gama média ou baixa obtenha suporte, já que entre os requisitos mínimos está 4 GB de RAM.

Entendendo o Linux on DeX

O Linux on DeX é um aplicativo para Android que permite que os usuários executem uma área de trabalho completa do Ubuntu, com a capacidade de instalar e executar aplicativos tradicionais do Linux no desktop, IDEs e utilitários de linha de comando (onde também são compilados para o ARM de 64 bits).

Para que isso fosse possível, a solução encontrada pela empresa foi a de criar um container seguro dentro do aplicativo, onde uma imagem do Ubuntu pode ser executada, porém, o sistema operacional da Canonical ainda roda em cima do kernel do Android, semelhante ao recurso Crouton dos Chromebooks, um método que permite que o Linux comum seja executado ao mesmo tempo no Chrome OS, compartilhando o mesmo kernel.

A abordagem híbrida também permite que ocorram algumas integrações puras. Por exemplo, o Ubuntu pode ler e gravar em pastas e arquivos no Android (para que você possa ajustar uma selfie no GIMP, por exemplo) e tanto o Android quanto o Ubuntu compartilham uma única área de transferência. Isso também significa que você pode usar a tela sensível ao toque do telefone como um mouse.

Com o seu recurso de computação híbrida, a Samsung tem como alvo os desenvolvedores, em vez de usuários comuns do Android. A empresa menciona especificamente os seguintes benefícios: faça o download e gerencie o código-fonte dos repositórios do Git, gerencie e monitore um servidor usando a CLI do servidor e crie projetos com as linguagens C, C++ e Java usando um IDE.



O aplicativo roda uma versão modificada do Ubuntu 16.04 LTS. A imagem tem um download de 3,6 GB e usa cerca de 13,6 GB de armazenamento quando instalada dentro do container. Vala ressaltar também que o Linux on DeX é executado em tela cheia, embora seja possível acessar a barra de tarefas do Android ao passar o mouse na parte superior ou inferior da tela.

Registre-se para testar o beta do Linux on DeX

Se você tiver um smartphone ou tablet da Samsung compatível, bem como o acessório DeX, você poderá participar. Basta entrar e se inscrever no beta do Linux on DeX através deste link. Você só tem até 14 de dezembro para se registrar. Espere encontrar bugs, lentidão e reinicializações aleatórias ocasionais quando o limite de memória for atingido (afinal, o Ubuntu precisa compartilhar a RAM com o Android). Você também precisa se registrar usando uma conta do Google válida ou um email do G Suite.

A Samsung planeja enviar por email links de participantes beta para baixar o aplicativo Linux on DeX e a imagem do Ubuntu a partir do dia 12 de novembro.


FONTE: OMG! Ubuntu! | Samsung

Comentários