NVIDIA prepara driver open source para conexão USB Type-C de suas novas placas de vídeo


A NVIDIA esteve trabalhando nos últimos dias em um novo driver open source, chamado "i2c-nvidia-gpu", que tem como principal objetivo lidar com o controlador USB Type-C que é acessível por I2C. Isso é útil para as novas placas de vídeo da empresa, que possuem uma porta USB Type-C para headsets VR de próxima geração usando o padrão VirtualLink.

O VirtualLink permite quatro lanes HBR3 DP, dados USB 3.1 e até 27 Watts de energia por meio de um simples cabo fino      o que é muito melhor do que a atual confusão criada por diversos cabos necessários para os headsets VR. Fora do VirtualLink, a porta USB Type-C nas novas placas de vídeo também pode ajudar os novos monitores a chegarem no mercado com a tecnologia. A próxima rodada de GPUs da AMD também deve adotar conexão USB Type-C.

Este novo driver da NVIDIA foi implementado neste sábado (9) e permite a comunicação com o controlador Type-C nas placas de vídeo Turing. O driver foi contribuído pela própria empresa e pode ser ativado no Linux Kernel 4.20 (e nas futuras versões) com o switch I2C_NVIDIA_GPU para o Kconfig.


Infelizmente, a NVIDIA ainda não fez nenhuma contribuição com código (ou com documentação) para ajudar no desenvolvimento do driver open source Nouveau para que possa lidar com as novas GPUs com arquitetura Turing. Mas existem rumores de que a empresa disponibilizou para alguns desenvolvedores hardwares para que possam começar a trabalhar na engenharia reversa.

No entanto, o suporte de aceleração por hardware para as placas GeForce RTX não estará disponível até que a NVIDIA lance as imagens de firmware assinadas para esse hardware. Dado o fato que as GPUs com arquitetura Pascal e Maxwell não tem desempenho adequado devido a falta do suporte para re-clocking, não parece muito arriscado afirmar que o driver Nouveau ainda não será capaz de oferecer suporte viável para os produtos mais modernos da empresa.

Por enquanto, a melhor forma de obter um bom desempenho com as placas de vídeo da NVIDIA é usando o driver de código fechado da empresa, preferencialmente a versão mais recente disponível.


FONTE: Phoronix

Comentários