Driver AMDKFD possui suporte para arquitetura ARM de 64 bits


Até agora, o driver de kernel AMDKFD necessário para executar o user-space do ROCm (Radeon Open Compute Platform), plataforma para computação de GPU que também é independente de linguagem de programação, só funcionou em CPUs x86_64, mas com algumas mudanças simples, este driver da AMD também pode funcionar na arquitetura ARM de 64 bits.

A motivação para fazer com que o AMDKFD funcione na arquitetura não é totalmente clara, então pode ser por um motivo tão simples quanto um funcionário da ARM descobrir que o driver poderia funcionar de forma bastante trivial ou poderia ser algo mais interessante.

As mudanças que estão disponíveis neste patch publicado na última quarta-feira (2) permite que o "Kernel Fusion Driver" se baseie no ARM64 (AArch64). As alterações necessárias inclui apenas algumas linhas para permitindo que a opção do Kconfig do kernel seja exibida para a arquitetura e, em seguida, também lide com algumas linhas de código específicas do x86_64.

O responsável pelo patch parece ser Mark Nutter, um engenheiro de pesquisa da ARM, mas não foi visto nenhum comentário no patch para indicar se havia um motivo oculto para fazer o AMDKFD funcionar na arquitetura AArch64.

Atualmente, o patch está apenas na lista de discussão do kernel Linux e ainda não está na fila para a implementação, então é muito tarde para o atual ciclo de desenvolvimento do Linux Kernel. Mas supondo que seja bem aceito, isso permitiria que o driver AMDKFD fosse construído em sistemas ARM de 64 bits caso você tivesse uma placa ARM com PCIe x16 conectando-se a uma GPU Radeon e desejando executar cargas de trabalho de computação com a GPU.


FONTE: Phoronix

Comentários