Purism anuncia o PureBoot para ajudar seus clientes a proteger seus PCs com Linux


A Purism anunciou recentemente o PureBoot, um processo de inicialização centralizado, altamente seguro e completo para seus clientes que possuem computadores com Linux e todos os que desejam proteger melhor seus PCs com o sistema do pinguim. Apelidado de "processo de boot de alta segurança", a novidade promete ser uma solução completa e segura para processos de boot.

O PureBoot não é um novo software, mas uma coleção de padrões de software e segurança que a Purism já usa em seus laptops Linux, incluindo o token de segurança Librem Key USB, um chip TPM (Trusted Platform Module), o coreboot, Heads - software de inicialização remota, o Intel ME (Management Engine) desabilitado e a autenticação de vários fatores.

Com isso, o PureBoot promete não apenas controlar totalmente o processo de inicialização do computador, mas também protegê-lo de várias ameaças, incluindo, por exemplo, o roubo de dados, rootkits de kernel, malware BIOS, riscos do Intel Management Engine.

Disponível no segundo trimestre de 2019

A Purism diz que seu processo de boot de alta segurança PureBoot será incluído por padrão em todos os novos laptops da linha Librem e planeja tornar mais fácil para os clientes de laptop Librem existentes e proprietários de chaves Librem atualizarem para o PureBoot nos próximos meses. Este último deve esperar a disponibilidade geral do PureBoot no segundo trimestre de 2019.

Para entender melhor como o PureBoot funciona e como ele garantirá altos padrões de segurança para o processo de inicialização de seus computadores com Linux, recomendamos estudar a documentação oficial.


FONTE: Softpedia

Comentários