Navegador Edge pode ''eventualmente'' chegar no Linux


Quando a Microsoft anunciou que estava mudando a base do Edge para o Chromium, alguns se perguntaram se a empresa poderia permitir que o navegador também fosse lançado no Linux. Acontece que a primeira versão de desenvolvimento (apenas para Windows) do browser foi disponibilizada para download nesta semana, anunciando também que uma versão para o macOS está chegando "muito em breve". Mas e o Linux?

De acordo com Kyle Pflug, da Microsoft, quando foi perguntado no Twitter sobre o assunto, uma versão do navegador para a plataforma Linux é algo que o time Edge “gostaria de fazer eventualmente”, mas que “não pode se comprometer com o Linux”, embora o sistema de compilação usado no desenvolvimento do browser seja "executado no Linux".

Atualmente, quase todos os principais navegadores baseados no Chromium estão disponíveis também no Linux, incluindo o Google Chrome, Vivaldi e Opera. Tecnicamente, não há razão para que o Edge também não possa chegar na plataforma.

Há também a grande questão de saber se os usuários Linux usariam, até mesmo, um navegador da marca Microsoft que fosse preenchido com serviços específicos da companhia (como o Bing) ou integrações com serviços baseados na Web (como o Outlook).

Baseado no Chromium, mas com sua própria identidade

Para que o Edge não seja considerado apenas mais um clone do Chrome, a Microsoft planeja fazer grandes mudanças e adicionar novos recursos ao navegador, desde melhorias no visualizador de PDF, melhor uso de bateria e recursos, padrões avançados da Web, rolagem suave e suporte a ARM64. A empresa explica que decidiu mudar para o Chromium para buscar seu objetivo de melhorar a compatibilidade com a web, reduzir a fragmentação e melhorar a experiência do usuário.

Você usaria como principal navegador o Microsoft Edge na sua distribuição Linux favorita?


FONTE: OMG! Ubuntu!

Comentários