Comandos do Linux já podem ser integrados ao Windows PowerShell



Enquanto o próprio Windows começou a oferecer suporte ao Tar e ao OpenSSH, entre outras melhorias de integração para administradores familiarizados com o Linux, já é possível, até mesmo, integrar perfeitamente os comandos do Linux no PowerShell, graças a adição de alguns recursos que fazem uso do WSL (Windows Subsystem for Linux).

Desenvolvedor na Microsoft, Mike Battista descreveu como fornecer uma melhor integração dos comandos do Linux no PowerShell, onde já é possível prefixar comandos para passar para o WSL por meio do comando   wsl  , mas a integração pode ser ainda melhor graças a aprimoramentos, por exemplo, na manipulação de caminhos e no suporte para conclusão de comandos/argumentos do Linux.

"Com o PowerShell e o WSL, podemos integrar comandos do Linux no Windows como se fossem aplicações nativas. Não é necessário procurar compilações de utilitários Linux do Win32 ou ser forçado a interromper o fluxo de trabalho para cair em um shell do Linux. Basta instalar o WSL, configurar seu perfil do PowerShell e listar os comandos que você deseja importar", disse Mike Battista.

É através do PowerShell, com suporte para wrappers de funções, que a integração de comandos do Linux pode ser amplamente aprimorada para parecer uma experiência nativa de comando e shell do Linux diretamente no framework da Microsoft.

Se você quiser saber mais sobre como o recurso funciona, consulte esta postagem do desenvolvedor no blog da Microsoft. Os wrappers de função do PowerShell que tornam essa integração uma realidade estão hospedados no GitHub como PowerShell-WSL-Interop.


FONTE: Phoronix
Tags :
Comentários