O Ubuntu 19.10 promete contar com inicialização mais rápida


O próximo Ubuntu 19.10 contará com mais melhorias na velocidade de inicialização. Pelo menos é o que promete Colin Ian King, engenheiro que trabalha na equipe de desenvolvimento do kernel do Ubuntu. Segundo ele, foram feitos esforços para encontrar um algoritmo mais rápido de compactação/descompactação para o sistema operacional, que chegará no dia 17 de outubro.

A equipe comparou seis métodos de compactação para o initramfs, incluindo BZIP2, GZIP, LZ4, LZMA, LZMO e XZ, para medir o tempo de carregamento do kernel Linux, bem como o tempo de descompactação. O benchmarking foi realizado em configurações x86 usando o x86 TSC (Time Stamp Counter).

No final, eles perceberam que o LZ4 é o melhor método de compactação/descompactação para o Ubuntu 19.10 (Eoan Ermine), pois BZIP2, LZMA e XZ demoravam a descompactar, enquanto o LZ4 era sete vezes mais rápido que o GZIP. Por outro lado, o LZO foi cerca de 1,25 vezes mais rápido que o GZIP, porém, ainda não era o suficiente.

"Mesmo com mídia lenta e CPU lento, o tempo de carregamento mais longo do kernel com o LZ4 é superado pelo tempo de descompressão muito mais rápido. À medida que a mídia fica mais rápida, a diferença de tempo de carregamento entre GZIP, LZ4 e LZO diminui e o tempo de descompressão se torna o fator de velocidade dominante com o LZ4, o vencedor claro", disse Colin Ian King.

O LZ4 é um algoritmo de compactação de dados sem perdas que oferece velocidades extremamente rápidas. No Ubuntu 19.10 (Eoan Ermine), o LZ4 estará disponível para os kernels x86 (64 bits), PPC64le (PowerPC Little Endian de 64 bits) e s390 (IBM System z).


FONTE: Softpedia
Tags :
Comentários