Canonical e NVIDIA fazem parceria para certificar o Ubuntu 18.04 LTS no DGX-2 AI


A Canonical anunciou na última quinta-feira (7) que esteve nos últimos tempos trabalhando em colaboração com a NVIDIA para ajudar a acelerar a adoção da IA (inteligência artificial) ​​e ML (machine learning) com o Ubuntu 18.04 LTS certificado no sistema DGX-2 AI, da NVIDIA, o que permite oferecer, segundo a empresa, "desempenho, flexibilidade e segurança sem precedentes às operações de IA/ML" para seus clientes.

"Com a capacidade de executar toda a linha de sistemas DGX de forma independente ou como parte de um cluster Kubernetes no Ubuntu, as empresas podem desbloquear o desenvolvimento em contêiner e nativo da nuvem de cargas de trabalho aceleradas por GPU", explica a Canonical. "O NVIDIA DGX-2 oferece níveis de computação sem precedentes, com 16 das GPUs mais avançadas do mundo, oferecendo 2 petaFLOPS de desempenho de IA."

Embora as empresas pareçam encontrar problemas com a adoção e integração de IA e ML em suas operações em escala, a combinação do Ubuntu 18.04 LTS e NVIDIA DGX-2 AI promete flexibilidade, desempenho e segurança às operações de IA e ML das empresas, além de permitir que os engenheiros entreguem cargas de trabalho de IA portáteis local e na nuvem.

As empresas poderão executar toda a linha de sistemas NVIDIA DGX-2 AI como parte de um cluster Charmed Kubernetes em execução no Ubuntu 18.04 LTS ou autônomo para desbloquear todas as vantagens do desenvolvimento em contêiner e nativo da nuvem. O Kubernetes da Canonical é capaz de automatizar completamente a instalação e a habilitação das GPUs NVIDIA, que o Ubuntu oferece uma experiência única de múltiplas nuvens portáteis para casos de uso de IA e ML.

Mais detalhes você encontra no anúncio oficial da Canonical, clicando aqui.


FONTE: Softpedia
Tags :
Comentários