DXVK 1.5 chega trazendo suporte para Direct3D 9 sobre a Vulkan


Foi lançada na última segunda-feira (16) mais uma nova versão do DXVK, a 1.5, que tem como um das suas principais novidades o suporte para o Direct3D 9. Isso é possível graças a implementação do D9VK, o que permite que um único projeto forneça suporte desde o D3D9 ao D3D11 sobre a Vulkan para rodar diversos jogos do Windows no Linux com melhor desempenho.

"O motivo [para a sua incorporação no DXVK] é que o D9VK é utilizável e, principalmente, está completo agora, mesmo tendo alguns recursos adicionais não expostos por outras implementações, e seria bom ter todas as implementações do D3D em um só lugar/projeto", disse Joshua Ashton, desenvolvedor do D9VK.

Além disso, a nova versão do DXVK também conta com melhorias no HUD (Heads-up Display), o que inclui alguns aprimoramentos da interface do usuário, estatísticas de alocação de memória para métricas por heap, além de outros ajustes importantes, agora todas as GPUs são identificadas como hardware da NVIDIA para solucionar problemas com Crysis 3 e foram adicionadas outras correções para Atelier Ryza, Fifa 19, Halo MCC e Star Citizen.

Espera-se que o DXVK 1.5 esteja disponível em breve no Steam Play/Proton, da Valve, para facilitar a vida dos jogadores. Dado que a base do Wine 4.11 para o Proton está ficando um pouco antiga, esperamos também que a transição para a base de código do Wine 5.0 aconteça em um futuro não muito distante.


FONTE: Phoronix | DXVK/GitHub
Tags :
Comentários