Anbox Cloud: nova plataforma da Canonical promete acesso ao Android na nuvem


A Canonical anunciou recentemente o "Anbox Cloud", uma nova plataforma voltada para padronizar as cargas de trabalho do Android como um sistema operacional convidado (guest) para que seja possível oferecer aplicativos móveis em escala diretamente de um provedor de nuvem. Como o próprio nome indica, a novidade é baseado na tecnologia Anbox, uma camada de compatibilidade gratuita e de código aberto que permite que apps do Android sejam executados no Linux.

Baseado no kernel do Ubuntu 18.04 LTS, o serviço aproveita os contêineres de sistema LXD seguros e isolados da Canonical para oferecer uma alternativa mais leve à emulação do Android em máquinas virtuais. O Anbox Cloud também usa o MAAS (Metal as a Service), da Canonical, como a infraestrutura remota e o Juju para fácil implantação e gerenciamento a custos operacionais reduzidos.

Com o Anbox Cloud, os desenvolvedores poderão fornecer experiências móveis sob demanda aos usuários finais, que eles podem transmitir diretamente em seus dispositivos por meio de redes 5G. Isso pode incluir jogos e aplicativos de alta computação, que não precisam mais ser baixados nos dispositivos dos usuários. O serviço é seguro em sua essência, para que você não precise se preocupar com malware ou qualquer outro tipo de ameaça ao executar aplicativos Android.


Além disso, os desenvolvedores poderão emular milhares de dispositivos Android. Por outro lado, as empresas podem usar o Anbox Cloud para entregar aplicativos em escritórios diretamente nos dispositivos dos funcionários, de maneira segura e protegida, enquanto diminuem seus custos internos de desenvolvimento de aplicativos.

A nova plataforma também pode ser hospedada em nuvens públicas e privadas, permitindo que os provedores o integrem à sua oferta. A Canonical também fez parceria com a Packet, um provedor líder de infraestrutura de computação em nuvem, para oferecer uma opção de hospedagem, que será suportada com atualizações de segurança por até dez anos.


FONTE: Softpedia
Comentários