Ubuntu com o novo Unity 8 e Mir terá melhor suporte para multimonitores


Não é de hoje que a Canonical está se preparando para lançar o ambiente gráfico Unity 8 com o servidor de exibição Mir no Ubuntu para desktop. Porém, nesta longa jornada realizada pela empresa, um dos impasses mais difíceis é resolver o problema com o suporte para multimonitores, mas parece que a solução já está a caminho.

O Mir já está em desenvolvimento há algum tempo e, supostamente, já era para ele ser padrão no Ubuntu, mas acabou sendo adiado. Na verdade, quando a Canonical decidiu que o servidor de exibição ainda precisava de um pouco mais de atenção antes de ser lançado no seu sistema operacional para desktop, um dos desenvolvedores apontou que um dos problemas encontrados ainda era o suporte a multimonitores. Com isso, manter as janelas no lugar quando outro monitor é ligado ou desligado é uma dor de cabeça.

Há alguns anos atrás, havia menas pessoas com vários monitores, mas isso está começando a mudar. A Canonical sabe que a plataforma Linux não é a mais amigável quando os usuários decidem conectar um segundo ou terceiro monitor, e gerenciá-los pode ser muito chato.

"No entanto, como o posicionamento coerente das janelas (em situações de multimonitores) tenha sido solicitado inúmeras vezes para a versão atual do Unity, decidimos que Mir deve oferecer este suporte. O trabalho para a implementação do IIRC ainda está em andamento e certamente estamos felizes por todos os tipos de contribuições (teste, código, ideias e comentários)", diz Thomas Voß, um dos desenvolvedores do servidor de exibição Mir.

Mir é esperado para chegar como uma opção no Ubuntu 16.04 LTS e por padrão no Ubuntu 16.10, mas nenhum dos lançamentos com o novo servidor de exibição é exatamente uma promessa. Isso porque ambas as empresas NVIDIA e AMD ainda precisam fornecer suporte através de seus drivers de vídeo.


FONTE: Softpedia | Launchpad

COMENTÁRIOS