Com foco na segurança e privacidade, inicialmente planejado para ser lançado no início de 2019, o smartphone Librem 5 foi adiado para abril de 2019, mas agora sofreu mais um atraso devido às opções de CPU que a equipe de desenvolvimento precisou fazer para fornecer um dispositivo estável e confiável, além de não aquecer muito ou descarregar rapidamente.

O mais novo aplicativo que chega na lista de utilitários de terceiros que permitem fazer facilmente overclock em GPUs no Linux é o TuxClocker, que possui uma uma interface de usuário baseada em Qt5 e atualmente conta com suporte a placas de vídeo NVIDIA, bem como suporte experimental para GPUs AMD.

No ano passado, os desenvolvedores da Intel criaram um novo driver OpenGL baseado em Gallium3D para Linux como um eventual substituto do antigo driver "i965 classic" presente na pilha gráfica Mesa. A Intel agora parece estar confiante o suficiente no atual estado desse novo driver chamado de "Iris", com o próximo passo sendo implementá-lo oficialmente no Mesa.

A AMD anunciou recentemente que está contratando mais pessoas para expandir a sua equipe de desenvolvimento de driver open source para Linux. A empresa pretende contratar cerca de dez novos integrantes para trabalhar em suas contribuições para o kernel Linux, a pilha gráfica Mesa (no lado do OpenGL), bem como com a pilha multimídia do Mesa, o backend do compilador LLVM e os containers Linux.

No início do mês, relatamos o fado de que a equipe por traz do Gallium Nine tinha iniciado um esforço para implementar o suporte para o NIR como uma opção alternativa ao padrão TGSI, uma linguagem intermediária para descrever shaders usada tradicionalmente pelos drivers Gallium3D, e de como a iniciativa era importante para o projeto. A boa notícia agora é que a novidade já está funcionando e começando a rodar a maioria dos jogos Direct3D 9.

O Ubuntu 17.10 foi a primeira versão do sistema operacional da Canonical a abandonar imagens x86 de 32-bits (i386) enquanto os pacotes i386 ainda permaneceram nos repositórios de software.  Outros derivados do Ubuntu ao longo do ano passado também tomaram essa decisão e no futuro devem oferecer para instalação apenas ISOs de 64-bits. Agora, para o próximo Ubuntu 20.04 LTS, pode até não existir mais os pacotes i386 disponíveis para instalação.

A equipe por traz do "RPCS3" publicou mais um novo relatório para revelar mais detalhes sobre os trabalhos realizados no mês de dezembro de 2018 no emulador de PlayStation 3, além de mostra o progresso impressionante que foi feito no final do ano passado. Entre os destaques, tão melhorias no desempenho e correções para "uma grande variedade de problemas gráficos que afetam vários títulos AAA".

A Microsoft anunciou recentemente que a próxima atualização de abril de 2019 do Windows 10, também conhecida como versão 1903, trará mais alguns novos aprimoramentos para o WSL (Windows Subsystem for Linux). Uma das principais novidades é a adição do suporte para acessar arquivos do Linux através do gerenciador de arquivos File Explorer.

Com o KDE neon usando como base o Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver), a equipe de desenvolvimento da distribuição Linux decidiu que é hora de colocar a série antiga baseada no Ubuntu 16.04 LTS (Xenial Xerus) para descansar de uma vez por todas, já que a maioria dos usuários conseguiram atualizar para a nova série, baseada na versão mais recente do Ubuntu LTS.

Após um atraso de uma semana, devido a um bug envolvendo o Linux Kernel 4.18 herdado do Ubuntu 18.10 (Cosmic Cuttlefish) causando falhas de inicialização com determinados chipsets gráficos, a Canonical lançou nesta quinta-feira (14) o Ubuntu 18.04.2 LTS (Bionic Beaver), que chega como a versão mais recente da série com suporte de longo prazo do Ubuntu.

O desenvolvedor open source Marek Olšák, da AMD, publicou recentemente sua mais nova série de atualizações em nome da performance. Seu novo conjunto de 26 patches para o driver RadeonSI, disponível na pilha gráfica Mesa, fornece um recurso que está sendo chamado de "primitive culling with async compute" que, pelo menos, para cargas de trabalho de workstation, gera um grande aumento de desempenho das GPUs AMD.

De acordo com o mais recente relatório do desenvolvedor Nate Graham, novos recursos já estão sendo preparados para o próximo KDE Plasma 5.16, bem como mais aprimoramentos para as funcionalidades já disponíveis no ambiente gráfico, que tem lançamento previsto para o dia 11 de junho. Essas novidades devem aprimorar ainda mais a experiência dos usuários.

Um novo projeto de código aberto tem como objetivo levar o Ubuntu totalmente funcional para laptops ARM com processadores Qualcomm Snapdragon, como os dispositivos HP Envy x2 e Asus NovaGo. Apesar de inovadores e de oferecerem uma bateria de longa duração, esses notebooks têm sido criticados por usuários e blogueiros técnicos por serem lentos.

Depois de estar nos últimos seis meses em desenvolvimento, o KDE Plasma 5.15 chega com diversas novidades para aprimorar ainda mais a experiência do ambiente gráfico. Isso inclui vários refinamentos nas interfaces de configuração, novas opções para configurações de rede complexas, ícones reprojetados, integração aprimorada com aplicativos e tecnologias de terceiros e várias melhorias para o gerenciador de pacotes Discover.

Os usuários Linux logo terão uma nova maneira de acessar e sincronizar o OneDrive no sistema do pinguim. Acontece que o aplicativo Insync, que já permite sincronizar arquivos do Google Drive com o Linux, deve ganhar suporte em breve para o serviço de armazenamento em nuvem da Microsoft, o OneDrive.

A System76, fabricante norte-americana de computadores especializada na venda de laptops, desktops e servidores com Linux, anunciou que o Serval WS, seu mais poderoso modelo de notebook, receberá uma grande atualização em seu hardware, passando a contar com GPUs NVIDIA GeForce RTX série 20, bem como com processadores Intel de 9ª geração e telas 4K QFHD.