Em sua mas recente publicação no site Medium, a Atari anunciou que o seu próximo console, o Atari VCS, que antes tinha data marcada para chegar na metade do ano, terá seu lançamento adiado. Isso também significa que, a queles que apoiaram a (muito bem sucedida) campanha de crowdfunding no IndieGoGo, não receberão seus videogames até o final de 2019, no mínimo.

Durante seu evento na Game Developers Conference (GDC) 2019, a Google finalmente revelou o Stadia, sua nova plataforma de streaming de games, que promete deixar os jogadores jogarem praticamente em qualquer lugar que quiserem. Não há console para conectar à sua TV. Em vez disso, os jogos são executados a partir de um data centers e são transmitidos para você pela Internet. Os títulos podem rodar em até 4K a 60 FPS, obviamente, dependendo da sua conexão, e inclui também suporte para HDR.

Foi lançado na última sexta-feira (15) mais uma nova versão de desenvolvimento do Wine, a 4.4, que chega trazendo mais aprimoramentos e correções para suportar melhor ainda mais softwares e jogos do Windows. Entre os destaques, está a adição de uma nova ferramenta MSIDB para manipular bancos de dados MSI e muitas outras APIs do Microsoft Media Foundation foram implementadas.

Agora ficou ainda mais fácil compartilhar arquivos de forma totalmente segura com seus amigos e familiares online — tudo graças a Mozilla, criadora de um dos navegadores mais populares da atualidade, o Firefox. Trata-se do "Firefox Send", que é descrito pela organização sem fins lucrativos que defende a web gratuita como um serviço de transferência de arquivos gratuito, de código aberto e totalmente criptografado.

O desenvolvedor líder do DXVK, Philip Rebohle, lançou hoje, 14 de março, mais uma nova versão de sua implementação que, quando adicionada ao Wine, permite rodar o Direct3D 10/11 sobre a Vulkan. Trata-se do DXVK 1.0.1, atualização que chega um mês após o lançamento inicial da série para adicionar mais correções e melhorias.

Foi anunciado recentemente que o cronograma de lançamento do próximo GNOME 3.34 já está finalizado e agora disponível para o público em geral. O ciclo de desenvolvimento ocorrerá como a série GNOME 3.33.x. O primeiro snapshot do ambiente gráfico, versão 3.33.1, será lançado no dia 24 de abril.

O desenvolvedor e mantenedor do Flatpak, Alexander Larsson, anunciou recentemente um novo lançamento para a série instável, ou seja, para testes, da estrutura de distribuição e sandbox de aplicativos para Linux, visando a próxima série estável Flatpak 1.4. Trata-se da versão 1.3 que adiciona vários novos recursos e melhorias, como suporte a sistemas com múltiplas GPUs NVIDIA.

Foi lançada na última quarta-feira (13) mais uma nova versão da pilha gráfica Mesa, a 19.0, que chega trazendo mais aprimoramentos para as APIs gráficas Vulkan e OpenGL, bem como diversas melhorias para jogos, sejam eles nativos ou executados através do Steam Play, por exemplo, com GPUs AMD ou com os gráficos integrados da Intel.

Com o GNOME 3.32 sendo oficialmente lançado nesta quarta-feira (13), o ambiente gráfico recebe uma série de novos recursos e aprimoramentos. A atualização inclui um novo conjunto de ícones e tema, mais melhorias com foco no desempenho e novas versões de aplicativos, como o gerenciador de arquivos Nautilus.

A ferramenta GameMode, da Feral Interactive, criado especialmente para ajustar dinamicamente a plataforma Linux durante a execução de jogos, além de reverter as mudanças para o comportamento padrão quando não está executando os games, continua recebendo melhorias e novos recursos, o que o torna ainda mais interessante para os jogadores Linux.

A Microsoft lançou o novo Skype para Web, permitindo que os usuários conversem com seus contatos sem a necessidade de instalar um cliente de desktop. Enquanto isso é possível usando nada mais do que um navegador, a nova versão do serviço de mensagem e vídeo conferência da Microsoft vem com algumas limitações inesperadas.

A Purism tornou o seu sonho de convergência mobile-desktop, algo que antes era muito desejado pela Canonical com o Ubuntu Touch, uma realidade para seu sistema operacional PureOS, que vem pré-instalado em todos os seus laptops Librem, assim como no seu futuro smartphone Librem 5, permitindo aos usuários usar os mesmos aplicativos no computador e em dispositivos móveis.

Depois de lançar na semana passada o Ubuntu 16.04.6 LTS, a Canonical lançou nesta quinta-feira (7) o Ubuntu 14.04.6 LTS (Trusty Tahr), que chega trazendo também correção para a vulnerabilidade de segurança que foi descoberta recentemente no gerenciador de pacotes APT, que pode permitir que um atacante remoto instale pacotes maliciosos.

O Ubuntu 19.04 (Disco Dingo) é o próximo grande lançamento do popular sistema operacional baseado na plataforma Linux desenvolvido pela Canonical, que promete oferecer vários aprimoramentos e novos recursos, incluindo um novo kernel, a recém-lançada versão 5.0, que conta, por exemplo, com suporte para o AMD FreeSync com o driver open source AMDGPU.

De acordo com um novo infográfico publicado pela Canonical, empresa por trás do popular Ubuntu, os usuários Linux instalam mais de 3 milhões de aplicativos Snap a cada mês, isto é, levando em consideração todas as categorias de dispositivos que a tecnologia suporta. Isso significa que inclui cloud, IoT (Internet das Coisas) e gateways, além de, é claro, o desktop.

Recentemente, a System76 passou a fabricar seu próprio computador "open source", chamado Thelio, e durante toda essa sua trajetória para a fabricação de seus próprios laptops e desktops, a empresa, focada no Linux, agora planeja oferecer produtos de última geração baseados em ARM.