Juntando-se a Epic Games e a NVIDIA no nível Patron da Blender Foundation, a AMD agora está financiando o desenvolvimento do software de modelagem 3D Blender, o que significa que a empresa agora irá contribuir com pelo menos 120 mil euros por ano para a fundação, valor que será revertido em esforços na migração para a Vulkan e para o sudo de tecnologias da AMD.

Já faz um bom tempo que o SteamOS não recebe novas atualizações, com o update 2.195 sendo o último com apenas algumas pequenas mudanças. No entanto, o sistema operacional da Valve ainda está vivo, com a empresa publicando recentemente algumas alterações para o compositor de janelas do sistema no seu repositório do GitHub.

Com o Ubuntu 19.10 sendo lançado com sucesso na semana passada e o ciclo de desenvolvimento do Ubuntu 20.04 LTS tendo sido iniciado, o diretor do Ubuntu Desktop, Will Cooke, anunciou que está deixando a Canonical, isso após estar há cinco anos liderando o roteiro e estratégia da edição do sistema operacional da empresa para desktop.

Atualmente, mesmo usando as versões mais recentes do kernel Linux, os donos de laptops com gráficos híbridos costumam ver a carga da bateria do dispositivo indo em bora em poucas horas, mesmo que a dGPU NVIDIA não esteja sendo usada, ou seja, apenas com os gráficos integrados do processador sendo responsáveis pela renderização. Felizmente, o Linux Kernel 5.5 contará com correção para o problema, o que permitirá melhor economia de energia.

A fundação Mozilla lançou nesta terça-feira (22) o Firefox 70, que chega trazendo várias melhorias ​​e aprimoramentos de privacidade. As novidades incluem também um novo logotipo com cores mais vivas, que ajuda a dar ao navegador uma presença mais moderna, e agora os usuários também verão um indicador na barra de endereço ao entrar em sites que acessam dados de localização geográfica.

Os desenvolvedores da Intel estão trabalhando em aprimoramentos interessantes para o Clear Linux, o que inclui mais melhorias no instalador, o Python 2 finalmente deve ser substituído pelo Python 3 e está sendo desenvolvida uma nova loja de aplicativos, que deve chegar como uma alternativa para o GNOME Software.

A maioria dos principais serviços de streaming de conteúdo online funcionam no Linux através dos navegadores Google Chrome e Firefox "graças" ao plugin "Widevine", ou seja, trata-se do principal componente que permite que os usuários Linux acessem conteúdo no Netflix, Amazon Prime e muitos outros. No entanto, o Disney+ ainda não entra nessa lista.

A System76 lançou recentemente o Pop!_OS 19.10, que chega trazendo como base o recém-lançado Ubuntu 19.10, da Canonical, o que permite que o sistema operacional ofereça também  aos seus usuários o mais recente ambiente gráfico GNOME 3.34, bem como o Linux Kernel 5.3, que garante suporte para hardwares ais novos, melhor suporte para Wayland e diversos softwares atualizados.

O ambicioso projeto da Samsung de oferecer uma versão completa do Ubuntu em seus smartphones, batizado de "Linux on DeX", foi oficialmente cancelado, com a futura estreia do Android 10 nos dispositivos da empresa removendo até as versões beta existentes atualmente em teste pelos usuários.

Prometendo visuais mais realistas, a AMD anunciou juntamente com a sua nova série de placas de vídeo Radeon RX 5700 (Navi) o Radeon Image Sharpening, recurso projetado para melhorar a qualidade da imagem com perdas mínimas de desempenho. No entanto, como você deve imaginar, há suporte apenas para produtos da empresa, o que inclui chips com microarquitetura Polaris, Vega e Navi, e somente para o sistema operacional Windows 10.

Uma nova versão de desenvolvimento do Wine, a 4.18, já está disponível com novas funções para VBScript, uma série de limpezas e melhorias na biblioteca Quartz e um total de 38 correções que abrangem problemas com diversos jogos, incluindo Lego Island 2, Lego Stunt Rally, King's Bounty Crossworlds, Castlevania: Lords of Shadow 2 e Broken Sword: The Angel of Death.

Foi lançado recentemente o DXVK 1.4.3, que chega trazendo um novo formato para o cache de shader, que deve reduzir significativamente o tamanho dos arquivos de cache. Contudo, a nova versão desta biblioteca, que permite rodar jogos desenvolvidos com Direct3D 10/11 sobre a Vulkan, ainda suporta a leitura de caches antigos, fazendo a conversão automática para o novo formato.

A NVIDIA lançou hoje, 17 de outubro, seu primeiro driver beta da série 440.xx para Linux e é um lançamento bastante emocionante, já que traz vários novos recursos, incluindo suporte para decodificação de vídeo VP9 para VDPAU e Variable Refresh Rate (VRR) para conexões HDMI 2.1 compatível com a tecnologia G-SYNC.

Seguindo a sequência de lançamentos dos sabores oficiais do Ubuntu, foi lançado nesta quinta-feira (17), o Xubuntu 19.10, que chega trazendo o recém-lançado Xfce 4.14, o Linux Kernel 5.3 e o mais moderno aplicativo Xfce Screensaver, que substitui o utilitário de bloqueio de tela Light Locker, usado desde o Xubuntu 16.04 LTS, além de se integrar melhor ao ambiente gráfico.

Após seis meses de desenvolvimento, foi oficialmente lançado o Ubuntu 19.10 (Eoan Ermine), a 31ª versão do sistema operacional lançada desde 2006. Ele será suportado por 9 meses pela Canonical, com atualizações contínuas de segurança e correções, e será seguido pelo Ubuntu 20.04 LTS ''Focal Fossa'' em abril do próximo ano.

O Kubuntu 19.10 já está disponível para download e, com este lançamento, os usuários podem esperar o ambiente gráfico KDE Plasma 5.16.5 e a suíte de software KDE Applications 19.04.3. Além disso, também está incluído o Qt 5.12.4 LTS, Latte Dock 0.9.3, Elisa 0.4 .2, Krita 4.2.7, Kdevelop 5.4.2, Ktorrent 5.1.2, bem como Kdenlive e Yakuake 19.08.1.

Foi lançado nesta quinta-feira (17) o Ubuntu MATE 19.10, que chega trazendo suporte para XPresent adequado no gerenciador de janelas para corrigir problemas com screen tearing, melhora ainda mais os frame times nos jogos, adiciona cantos invisíveis às janelas, corrige a renderização HiDPI e melhora a navegação com o atalho de teclado Alt+Tab.

Pegando todos de surpresa, a Feral Interactive, desenvolvedora responsável pela chegada de diversos jogos AAA na plataforma Linux, atualizou seu port de Middle-earth: Shadow of Mordor, lançado no sistema do pinguim em 2015, com suporte beta para a Vulkan. De acordo com testes de desempenho realizados pelo site GamingOnLinux, há um aumento significativo na performance do game quando comparado com o OpenGL.