APT, o gerenciador de pacotes do Debian, deve ficar mais rápido


Julian Andres Klode, um dos desenvolvedores do Debian, escreveu um artigo em seu blog onde ele revela mais detalhes sobre os novos recursos da próxima versão do APT, o gerenciador de pacotes padrão do Debian e que também é usado em qualquer distribuição baseada, como o Ubuntu.

Julian Andres Klode explica em seu post como ele conseguiu melhorar o desempenho para arquivos descompactados com o APT, que provou ser muito lento quando se aplica os arquivos PDiffs, um formato diff perceptual utilizado em pacotes DEB, fontes e em outros arquivos.

"A razão para isso é que o nosso I/O é sem buffer, e estávamos lendo um byte de cada vez, a fim de ler linhas. Isso mudou em 24 de dezembro, pela adição de buffer para ler linhas de leitura, melhorando substancialmente o desempenho de rred" diz Julian Andres Klode em sua postagem.

As novas mudanças trazidas para as versões recentes do APT, começando com 1.1.7, mostram impressionantes melhorias de desempenho ao usar o comando apt-get update para atualizar um sistema operacional baseado no Debian com PDiffs ativado.

Para entender melhor, de acordo com Julian Andres Klode, executando apt-get update com o APT 1.1.6 levou 41 segundos sem o novo recurso e apenas 4 segundos com o APT 1.1.7 com as novas melhorias de desempenho. Isso é um aumento de dez vezes na performance.


FONTE: SoftpediaBlog of Julian Andres Klode

COMENTÁRIOS