Ubuntu 16.04 LTS sera o melhor lançamento em anos? Confira algumas das novidades


Nos últimos dois anos, a Canonical andou muito focada no Ubuntu Touch, fazendo com que não houvesse muitas novidades sendo implementadas na versão do SO para desktop. Contudo, isso já está prestes a mudar pois os desenvolvedores do Ubuntu já implementaram (ou estão adicionando) diversos novos recursos e alguns deles são realmente surpreendentes.

A versões LTS do Ubuntu são geralmente mais focadas na estabilidade e menos na adição de coisas novas, mas a Canonical está prestes a quebrar essa tradição. Ao que pudemos ver, o Ubuntu 16.04 LTS será um dos lançamentos mais interessantes nos últimos anos e isso é uma coisa muito boa.

Será possível mover o lançador do Unity

A posição do lançador de aplicativos do Unity tem sido a fonte de grandes debates na comunidade Ubuntu, mas os desenvolvedores tem sido muito inflexíveis sobre isso e não querem movê-lo. Contudo, o Ubuntu 16.04 LTS vai finalmente permitir aos usuários mover o lançador para a parte inferior da tela.

Esta é apenas uma das grandes mudanças. A equipe também está pensando em deixar de lado o Ubuntu Software Center pelo GNOME Software (e os desenvolvedores também tem atualizado o Ubuntu Software Center depois de dois anos de inatividade). Além disso, a Canonical também está trabalhando para trazer os pacotes Snappy ao Ubuntu, com o Unity 7.

O Ubuntu 16.04 LTS (Xenial Xerus) enviará sem o Brasero (gravação de CD/DVD) e Empathy (mensageiro), mas os desenvolvedores estão tentando trazer o GNOME Calendar também. Uma ferramenta chamada USB Startup Creator também está sendo desenvolvida para a próxima versão do SO, que deve ser utilizada para criar dispositivos USB bootáveis, porém, não só apenas utilizando imagens ISO do Ubuntu, mas de diversas distribuições Linux também.

Outra característica que está em desenvolvimento para o Ubuntu 16.04 LTS é chamado de bloquear clique, que por enquanto está disponível apenas no Windows. Com esta opção, os usuários podem clicar em um item, como uma pasta ou arquivo, e movê-lo sem ter que manter o botão pressionado. É ótimo para a acessibilidade. Além disso, a tela de boot do Plymouth também está sendo atualizada. Outas mudança que deve agradar aos usuários é que a pesquisa online do Unity 7 será desativada por padrão, algo que está sendo requisitado há anos.

Além disso, os desenvolvedores também querem implementar o sistema de arquivos ZFS. O processo está quase concluído e pode estar pronto atempo para o lançamento do SO. Outra opção legal que pode chegar junto com o GNOME Software é a possibilidade de permitir que os usuários possam atualizar o firmware (BIOS) através do próprio Ubuntu.

Esta é a lista até agora, mas é provável que cresça nos próximos meses. Além de novos recursos, os desenvolvedores do Ubuntu tem mais alguns meses para corrigir os bugs ainda presentes no SO. Assim que saírem mais novidades sobre o Ubuntu 16.04 LTS (Xenial Xerus), manteremos você informado.


FONTE: Softpedia

COMENTÁRIOS