Ubuntu 16.04 LTS poderá permitir que os usuários atualizem firmwares pelo próprio SO

A próxima versão do sistema operacional da Canonical, o Ubuntu 16.04 LTS (Xenial Xerus), poderá trazer uma nova funcionalidade, no mínimo interessante, que permitirá que os usuários possam atualizar os firmwares de suas máquinas diretamente do SO. Isso será possível graças a implementação de uma ferramenta chamada fwupd, que também estará disponível no ambiente gráfico GNOME.

As discussões sobre o fwupd e todos os seus benefícios já estão acontecendo há algum tempo. A novidade é o resultado de uma colaboração entre os desenvolvedores do GNOME e da fabricante Dell. Hoje em dia, a maioria das empresas de hardware fornecem atualizações de firmware que só podem ser instaladas se você tiver um sistema operacional Windows. Isso pode ser um problema real se você quiser atualizar o firmware da sua placa-mãe, mas este é apenas um exemplo.

Ao menos por enquanto, a nova ferramenta ainda está sendo desenvolvido e também é dependente do Linux Vendor Firmware Service, que é um recurso online onde os fabricantes de hardware podem fazer o upload do novo firmware. Para que o fwupd possa entrar em ação, ele ainda precisa se ​​conectar a um repositório online para baixar e instalar o novo firmware, que neste caso é o Linux Vendor Firmware Service, também conhecido como LVFS.

O fwupd deverá ser implementado no GNOME Software, a aplicação que deve substituir a central de programas (Ubuntu Software Center) no Ubuntu 16.04 LTS. Contudo, o único problema é que o projeto existe desde julho de 2015 e ainda precisa de qualquer tipo de autorização, embora possa ser apenas a falta de suporte.

GNOME Software


Mais detalhes sobre o projeto fwupd podem ser encontrados no site oficial, através deste link.


FONTE: Softpedia
IMAGENS: fwupd | GNOME

COMENTÁRIOS