O WhatsApp será bloqueado no Brasil a partir da tarde desta segunda-feira


O WhatsApp, um dos mensageiros instantâneos mais utilizados entre os brasileiros, estará novamente inacessível nos smartphones de todos os consumidores de operadoras brasileiras. O bloqueio terá inicio a partir das 14:00h desta segunda-feira, dia 2 de maio, por um período de 72 horas. Como de costume, foi a Justiça quem determinou o bloqueio total do aplicativo — assim como aconteceu em dezembro do ano passado.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, foi o juiz Marcelo Montalvão, da comarca de Lagarto (SE), quem tomou a decisão, emitida no dia 26 de abril. Todas as operadoras do cartel que operam no mercado brasileiro vão ter que atender à determinação da justiça e impedir que seus consumidores utilizem o serviço. A empresa que descumprir a determinação, terá que pagar multas de R$ 500 mil por dia.

Todas as cinco operadoras — TIM, Oi, Vivo, Claro e Nextel — informaram que irão cumprir a determinação, ou seja, ficará quase que impossível usar o WhatsApp em qualquer aparelho do Brasil. Se não houver nenhuma liminar autorizando essas empresas a retomarem o serviço, somente às 14:00h de quinta-feira, no dia 5 de maio, que o aplicativo poderá voltar a ser utilizado normalmente pelos brasileiros.

Curiosamente, ainda não foram informados os motivos da determinação do juiz, mas há grandes chances de que seja o mesmo do bloqueio realizado em dezembro do ano passado, que foi a não colaboração do WhatsApp nas investigações criminais.

Como o bloqueio vai ser feito pelas operadoras, é possível usar VPN para fazer com que o aplicativo volte a funcionar. Outra alternativa é o Telegram, outro aplicativo de mensagens instantâneas. O serviço ganhou 1,5 milhão de usuários com o primeiro bloqueio do Whatsapp.


FONTE: Folha de S.Paulo | Adrenaline

COMENTÁRIOS