Mesa 17 chega com OpenGL 4.5 para chips Intel Haswell e melhorias para Vulkan


Foi lançada na última segunda-feira (13) Mesa 17 trazendo mais melhorias e correções, especialmente para aqueles que querem curtir aquela jogatina e que possuem uma placa AMD ou que fazem uso dos gráficos integrados da Intel. Contudo, os usuários NVIDIA com placa de arquitetura Maxwell, como a GeForce GTX 750 Ti, também poderão ser beneficiados, já que o suporte ao OpenGL 4.3 e algumas melhorias de desempenho estão garantidos.

Para os usuários AMD, a nova versão da biblioteca de gráficos 3D traz um melhor suporte para a API, Vulkan graças a adição de novas extensões e correções de bugs, juntamente com a capacidade de lidar com várias placas de vídeo, decodificação H.264/MPEG-4 AVC Level 5.2, suporte para GPUs Polaris12 e várias melhorias no desempenho que também devem beneficiar aplicações e jogos OpenGL.

Do lado da Intel, os usuários que fazem uso dos gráficos integrados e que possuem um processador com microarquitetura Haswell terão acesso ao OpenGL 4.5 e o driver Vulkan ANV possui melhorias no desempenho e suporte para Float64 e Tessellation-Shader.

Por último, mas não menos importante, a API VDPAU usa DRI3 para enviar diretamente o buffer para o servidor X, a adição do novo driver Etnaviv para GPUs Vivante, melhorias para GLSL Shader Cache e muito mais.

Mesa 17 é uma grande atualização, recomendada principalmente para os donos de placas da AMD que querem obter um melhor desempenho em jogos. Para aprender a instalar a nova versão da biblioteca de gráficos 3D na sua distribuição Linux específica, confira este artigo do Oficina do Tux. Para mais detalhes técnicos, não deixe de conferir o anúncio oficial, clicando aqui.


FONTE: Phoronix | Freedesktop.org

COMENTÁRIOS