VUDA: uma API inspirada no NVIDIA CUDA para computação com GPU na Vulkan


Um desenvolvedor independente conhecido no GitHub como "jgbit" iniciou o projeto VUDA como um esforço para fornecer uma API inspirada no CUDA, das placas de vídeo GeForce, baseada na Vulkan. Essa biblioteca consiste em apenas cabeçalhos C++ para fornecer uma API de tempo de execução semelhante a solução da NVIDIA para que seja possível criar aplicativos acelerados por GPU, o que significa que pode ser compatível com todas as plataformas que possuem um compilador C++.

Criado pela NVIDIA, CUDA (também conhecido como Compute Unified Device Architecture) é uma API destinada a computação paralela, GPGPU e computação heterogênea, destinada a placas gráficas que suportem a API (normalmente produtos com chipset da NVIDIA). A plataforma CUDA dá acesso ao conjunto de instruções virtuais da GPU e a elementos de computação paralela, para a execução de núcleos de computação.

Como o VUDA é implementado como um wrapper no topo da popular Vulkan, que fornece acesso de baixo nível ao hardware, VUDA poderá rodar em qualquer GPU que tenha suporte para a API gráfica de última geração, ou seja, independentemente se a GPU é NVIDIA, AMD ou Intel.

A nova API é licenciada sob a licença MIT e é importante notar que não é de forma alguma um projeto oficial da NVIDIA, mas está apenas tentando facilitar a utilização da Vulkan para computação com GPU para aqueles mais acostumados com a semântica da CUDA.

Enquanto o projeto ainda está dando os seus passos iniciais, seu potencial é enorme, especialmente devido à natureza de código aberto. A página do VUDA no GitHub já conta uma amostra (muito básica), que pode ser um bom começo para usar a biblioteca.


FONTE: PhoronixTechPowerUp

Comentários