Linux Kernel 4.21 contará com suporte para a tecnologia FreeSync


O suporte para o FreeSync finalmente será implementado no kernel Linux, começando com a versão 4.21, para a alegria dos donos de placas de vídeo Radeon que possem monitores que também suportam a tecnologia, que ajusta dinamicamente as taxas de atualização do monitor para reduzir ao máximo a latência de entrada e minimizar ou eliminar completamente as imagens tremidas/vibrações/cortes durante os jogos e a reprodução de vídeos.

Atualmente, o suporte para a tecnologia no Linux só está disponível através do driver de vídeo Radeon Software for Linux (também conhecido como AMDGPU-PRO) e não do AMDGPU, o driver de DRM (Direct Rendering Manager) open source padrão do kernel. O recurso atrasou mais que o previsto devido à criação de uma nova interface de DRM comum, que também poderá ser usada por outros drivers no futuro.

Supondo que não exista grandes problemas de última hora, o código deve ser implementado no Linux Kernel 4.21 quando sua janela de mesclagem for aberta no final de dezembro ou início de janeiro. Essa versão do kernel deve então ser lançada em março.

Além do trabalho no lado do kernel, há também patches para a biblioteca gráfica Mesa pendentes para implementar o recurso no espaço do usuário, que devem ser adicionados no Mesa 19.0. Testes, instruções de uso e mais detalhes devem ser divulgados nos próximos meses.


FONTE: Phoronix

Comentários