Mais progresso é feito no suporte ao Easy Anti-Cheat no Wine; confira gameplay


A comunidade de desenvolvedores que trabalham no Wine tem conquistado um bom progresso no suporte ao software de anti-trapaça "Easy Anti-Cheat" (EAC), da Epic Games. Acontece que no final do mês de junho foi revelado que já era possível executar o jogo Dead By Daylight, embora com um baixo desempenho.

Agora, com a solução que permite fazer o EAC funcionar no Wine, vários títulos se tornaram jogáveis no Linux, incluindo: Apex Legends, For Honor, Paladins, Cuisine Royale, Halo: The Master Chief Collection (single player já funciona bem) e Rust. A informação vem do perfil no Twitter de David Torok, um dos desenvolvedores envolvidos na iniciativa.

Diferente do que se havia tentando no passado com outras soluções, a nova implementação não tenta burlar o Easy Anti-Cheat, mas coloca o Wine em um estado em que ele entende o EAC, bem como o que o software de anti-trapaça está realmente fazendo.

"Este trabalho não tem como objetivo ignorar ou contornar a proteção do EAC de forma alguma. As mudanças que estamos fazendo no Wine são sobre a melhoria do Wine, e não sobre as coisas apenas para fazer o EAC funcionar. No processo, tentamos garantir que o EAC receba informações corretas do Wine para que as detecções possam funcionar conforme o esperado", disse David Torok, no Discord.

"Nosso objetivo é tornar todas as nossas mudanças o mais compatíveis possíveis. Com base nisso, conforme avançamos, espero que a lista de versões do EAC com as quais somos compatíveis cresça sem interromper o suporte a nenhuma versão em particular."

Para mostrar o quanto é importante todo esse progresso feito pela comunidade, o canal no Youtube Xpander69 publicou recentemente um gameplay do jogo Apex Legends rodando no Linux, que você confere logo abaixo:



Vale lembrar que os stutters no game, especialmente no início da partida, acontece devido a compilação de shader (durante o processo de mapear o Direct3D sobre a Vulkan), algo que a Valve vem solucionando no cliente Steam com o recurso "Permitir o processamento em segundo plano dos shaders Vulkan".

Se você deseja experimentar o Wine com EAC, tendo em mente que a implementação ainda está muito crua, além de você correr o risco de ser banido do jogo, você pode encontrar as informações para fazer isso no servidor do Discord VKx.

Contudo, é altamente recomendado esperar e ter paciência. Embora possa ser uma notícia bastante empolgante, a iniciativa não tem o apoio da Epic Games, então, não se tem ideia de como isso será tratado se/quando for transferido para o projeto Wine e chegar ao Proton.


FONTE: GamingOnLinux
Tags :
Comentários